Total de visualizações de página

terça-feira, 30 de setembro de 2014

Hong Kong Protestos chegam a zona destinada ao Dia Nacional da China

As manifestações pela democracia e pelo sufrágio universal em Hong Kong estenderam-se na noite de hoje à zona onde está prevista a cerimónia do hastear da bandeira nas celebrações do Dia Nacional da China, na quarta-feira.
MUNDO
Protestos chegam a zona destinada ao Dia Nacional da China
Grupos de manifestantes concentrados em Admiralty, zona onde se encontram os escritórios centrais do governo local, começaram por volta da meia-noite (17:00 em Lisboa) a deslocar-se para a praça 'Bauhinia Dourada', cujo acesso já se encontrava bloqueado por agentes da polícia.
A mobilização dos manifestantes mantém-se apesar de estarem em vigor os avisos meteorológicos de trovoada, emitido às 00:30 (17:30 em Lisboa) e amarelo de chuva forte, emitido 02:00 (19:00 em Lisboa).
Os manifestantes concentrados na praça, que tem o nome da flor-emblema da Região Administrativa Especial de Hong Kong, abrigam-se como podem com chapéus-de-chuva e sob pontes pedonais.
A praça fica na zona de Wan Chai, adjacente a Admiralty, onde têm também decorrido protestos. O início da cerimónia do içar da bandeira está previsto para as 08:00 locais (01:00 em Lisboa) de quarta-feira.
Fonte: NM

Marco Silva "O empate seria merecido"

Marco Silva, treinador do Sporting, considera que a equipa cumpriu com o que prometeu e acredita que o futuro na prova é risonho
DESPORTO
O empate seria merecido
Má entrada no jogo: "Não entrámos como pretendíamos e seria necessário. O Chelsea entrou forte, como esperávamos, e não conseguimos bloquear o jogo interior deles, com muitos movimentos no último terço do terreno por intermédio dos jogadores rápidos que tem na frente. A nossa pressão não foi tão forte copmo pretendíamos, não fomos o bloco coeso que queríamos ser nesse momento, demorámos a entrar no jogo e o Chelsea teve algumas oportunidades em que podia ter feito golo. Conseguimos equilibrar o jogo e num momento em que ele já estava mais repartido, numa desatenção nossa numa bola parada, não fomos rápidos a posicionar-nos e o Chelsea aproveitou para fazer o golo. A partir daí soltamo-nos, fomos atrás do que era necessário e começámos a discutir o jogo."
Mensagem ao intervalo: "Disse que teríamos de arriscar, que teríamos de subir mais o nosso bloco e foi isso que fizemos. Ficámos um pouco mais expostos, até porque os jogadores que o Chelsea tem na frente poderiam criar-nos problemas. Eles tiveram oportunidades, nós também tivemos muitas para fazer, pelo menos, o empate. E acho que seria merecido. Mas o futebol é isto. Ficou a imagem de uma equipa que quis disputar o jogo com o Chelsea."
Exibição Rui Patrício: "O Rui esteve a um nível elevadíssimo, como tem estado, só que hoje com mais trabalho do que está habituado. Mas respondeu de uma forma excelente. Ele está de parabéns."
Contas do grupo: "Está tudo em aberto. Ao contrário do que muitos previam, o Maribor foi empatar à Alemanha. Não somámos nenhum ponto, mas está tudo em aberto. Agora temos dois jogos com o Schalke e vamos continuar a pensar jogo a jogo, com o desejo de somar pontos. Com esta atitude o nosso futuro é risonho. Há muita coisa a melhorar, mas também fizemos muita coisa boa".
Lesão de Maurício: "Não é nada de muito grave como pareceu, mas não sei de mais nada".
Fonte: NM

Matic "Sporting jogou muito à bola"

Médio ex-Benfica diz que não tem sabor especial marcar ao rival do seu antigo clube mas confessa a felicidade por ter apontado um golo decisivo.
DESPORTO
Sporting jogou muito à bola
Matic, ex-jogador do Benfica, foi o herói do triunfo do Chelsea em Alvalade. "Esperava um jogo difícil. Marquei, mas para mim o que importa é que ganhámos. Parabéns ao Sporting pela segunda parte, jogou muito à bola. Tivemos muitas boas oportunidades, mas não conseguimos marcar mais. Estou muito feliz por ganhar", observou o médio.
Marcar ao Sporting, garante Matic, não tem para si um sabor especial. "Para mim, todos os jogos são importantes. Seja contra o Sporting ou outra equipa, não importa. Claro que é especial voltar a Portugal e marcar. Estou feliz por ter marcado, mas não por ter sido com o Sporting."
Fonte: NM

Entidades Matadouros, gráficas e estádios vão contar para o défice

Mais de 4.400 entidades contam para o défice e, dessas, 268 entram nestas contas pela primeira vez, como a TAP e a CP, mas também um matadouro na Maia, uma gráfica em Lisboa e o estádio municipal em Aveiro.
ECONOMIA
Matadouros, gráficas e estádios vão contar para o défice
Entre as entidades que se estreiam nas contas do défice orçamental das administrações públicas já em 2014, devido à introdução do novo Sistema Europeu de Contas (SEC2010), estão mais de 40 instituições ligadas à saúde (incluindo os hospitais EPE) e empresas como a TAP, a CP, a Empordef, a Fundação Paula Rêgo, o INAC - Instituto Nacional de Aviação Civil, a ParqueExpo, a AICEP, a ANACOM e a Gebalis, que gere os bairros de Lisboa.
A lista, que abrange várias áreas da Classificação de Atividades Económicas (CAE), inclui ainda um matadouro na Maia, uma sociedade imobiliária dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo, uma empresa de explosivos na Trafaria, a marina do Parque das Nações, em Lisboa, e a SAD do Académico Marítimo Madeira Andebol.
As termas de Melgaço, o estádio municipal de Aveiro, uma empresa municipalizada de Pinhel com o nome 'Falcão Cultura, Turismo e Tempos Livres', o mercado municipal de Faro e a Sociedade Teatral Louletana são outros exemplos de entidades públicas que vão passar a contar para o apuramento do défice orçamental das administrações públicas.
O rol de empresas foi hoje publicado pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), depois de ter divulgado a segunda notificação do Procedimento dos Défices Excessivos em que, pela primeira vez, calculou os números do défice e da dívida públicos segundo o novo sistema europeu de contas, que todos os países da União Europeia têm de adotar até ao final deste mês.
As regras contabilísticas do SEC2010 penalizam o apuramento dos défices de 2010 e de 2011, mas têm um impacto positivo na contabilização dos défices dos dois anos seguintes. Quanto a 2014, a estimativa, que é da responsabilidade do Governo, antecipa que o défice, apurado neste novo regime, seja de 4,8% no final do ano.
Fonte: NM

Sistema operativo Microsoft apresentou o Windows 10

A Microsoft apresentou esta terça-feira a nova versão do seu sistema operativo. O novo Windows chama-se Windows 10 e chega às prateleiras nos últimos meses do próximo ano, escreve a Exame Informática.
TECH
Microsoft apresentou o Windows 10
A Microsoft apresentou esta terça-feira o Windows 10, a nova versão do seu sistema operativo (SO) que desta vez irá correr não só em computadores, como também em tablets, smartphones e ainda na Xbox One, escreve a Exame Informática no seu site.
Este novo SO irá também substituir o Windows Phone e aposta na componente multitarefa, sendo possível ter duas aplicações abertas ao mesmo tempo, sejam apps ou mesmo programas do Windows.
Para já, a gigante tecnológica vai disponibilizar, a partir de amanhã, uma versão beta do novo Windows, mas apenas para profissionais.
Fonte: NM

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Alemanha Polícia investiga alegados abusos de guardas em centro de refugiados

A polícia alemã abriu uma investigação a seis seguranças privados de um centro de refugiados acusados de agredir e humilhar candidatos a asilo com um nível de violência comparado aos abusos cometidos na prisão de Guantánamo.
MUNDO
Polícia investiga alegados abusos de guardas em centro de refugiados
A investigação partiu da divulgação, no domingo, de imagens de telemóvel que provocaram uma vaga de indignação no país.
Nas imagens vê-se um segurança a imobilizar um refugiado algemado no chão com um pé na nuca e, em outras imagens citadas pela polícia, vários seguranças obrigam um idoso a deitar-se num colchão coberto de vomitado ameaçando espancá-lo.
Os rostos dos seguranças estão desfocados nas imagens, mas, segundo o procurador-geral da cidade vizinha de Siegen, Johannes Daheim, os guardas "posam como se estivessem orgulhosos do que fazem".
A polícia informou ter aberto a investigação depois de um jornalista lhe ter enviado as imagens, alegadamente filmadas no centro de refugiados de Burbach, cerca de 100 quilómetros a sudeste de Colónia.
Dos seis seguranças investigados, quatro foram detidos.
"Estas são imagens como as que vimos da Baía de Guantánamo", disse o chefe da polícia da cidade de Hagen, próxima de Burbach, Frank Richter, referindo-se ao centro de detenção de suspeitos de terrorismo construído pelos Estados Unidos na base naval de Guantánamo, em Cuba.
O ministro regional do Interior da Renânia do Norte--Vestefália (oeste), Ralf Jeager, prometeu investigar o caso "com extrema determinação" e assegurar-se de que "isto não volta a acontecer".
O porta-voz da chanceler alemã, Angela Merkel, disse hoje que, a confirmarem-se os abusos, estar-se-á perante "atos repugnantes".
"Somos um país humanitário. Na Alemanha, a dignidade humana é respeitada e isso tem de aplicar-se a centros de asilo e a campos de refugiados", disse Steffen Seibert.
Responsáveis do centro de Burbach disseram ter terminado o contrato com a empresa de segurança privada Ski, uma subsidiária da European Homecare, que gere o centro, e que a polícia já começou a interrogar os cerca de 700 residentes do centro.
"É horrível imaginar que pessoas que já sofreram violência noutros países e vêm para cá à procura de proteção são depois expostas a esta situação", disse o procurador de Siegen.
A organização de defesa dos direitos dos refugiados Pro Asyl considerou os abusos um sinal de "racismo chocante" por parte de pessoal não qualificado, acusando as autoridades federais de selecionarem as empresas privadas que vão acolher os refugiados tendo apenas como preocupação escolher a "proposta mais baixa".
"Não há nenhum controlo sobre se as empresas contratam pessoal qualificado (...) ou malfeitores violentos", criticou a organização num comunicado, condenando que "o compromisso para com os refugiados se tenha tornado num negócio".
A Alemanha é desde 2012 o principal destino europeu de candidatos a asilo, oriundos sobretudo da Síria e dos Balcãs.
Em 2013, o número de pedidos de asilo aumentou 64%, para 127.000, número que corresponde a 29% do total de pedidos de asilo na União Europeia (UE), segundo dados do governo alemão.
A empresa European Homecare gere cerca de 40 centros de acolhimento em todo o país
Fonte: NM

Discurso Cavaco diz que são necessárias políticas mais eficazes para imigração ilegal

O Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, reconheceu hoje a necessidade da adoção de políticas europeias mais eficazes e mais abrangentes para combater a imigração ilegal.
POLÍTICA
Cavaco diz que são necessárias políticas mais eficazes para imigração ilegal
Segundo fontes diplomáticas, numa intervenção na segunda sessão de trabalho do encontro do Grupo de Arraiolos, que decorre até terça-feira no Mosteiro de Tibães, em Braga, o chefe de Estado português, Aníbal Cavaco Silva, abordou as duas vertentes dos fluxos migratórios na Europa, quer a imigração ilegal, quer a imigração legal.
Se por um lado, sustentou, alguns imigrantes assumem um valor relevante para os países de destino e contribuem para a sua economia, também é verdade que a União Europeia por vezes regista fenómenos de imigração ilegal.
A este propósito, Cavaco Silva lembrou os casos de pessoas que tentam fugir a conflitos e chegar a zonas próximas dos limites da União Europeia, nomeadamente oriundos da Líbia, Síria, Egito.
Defendendo que é necessário tratar estas questões num quadro mais alargado, o Presidente da República reconheceu a necessidade da "adoção de políticas mais eficazes e mais abrangentes" para combater a imigração ilegal.
Por outro lado, acrescentou, deveria existir uma maior cooperação entre os estados membros e os estados de origem dos imigrantes.
No final desta segunda sessão de trabalho, os nove chefes de Estado presentes neste 10.º encontro do Grupo de Arraiolos vão participar num jantar que decorrerá no salão medieval da reitoria da Universidade do Minho.
O Grupo de Arraiolos foi criado em 2003 pelo então Presidente da República Jorge Sampaio e desde essa data junta informalmente, com periodicidade anual, os chefes de Estado de Portugal, Alemanha, Áustria, Eslovénia, Finlândia, Hungria, Itália, Letónia e Polónia - fundamentalmente, sem poderes executivos.
O objetivo dos encontros é proporcionar um debate aberto e informal entre os chefes de Estado destes países, designadamente sobre questões europeias.
Este ano, não estão presentes os representantes da Eslovénia e de Itália, mas, à semelhança, do que já aconteceu o ano passado, irão participar como convidados os chefes de Estado da Bulgária e da Estónia.
Ausente estará também o ex-chefe de Estado Jorge Sampaio, que tinha sido convidado para fazer o 'keynote speech' da segunda sessão de trabalho, subordinada ao tema da imigração. Contudo, uma indisposição no sábado obrigou-o a cancelar todos os compromissos previstos para esta semana.
Fonte: NM

Espanha Tribunal suspende referendo da Catalunha

O Tribunal Constitucional espanhol decidiu, por unanimidade, suspender o referendo sobre a independência da Catalunha.
MUNDO
Tribunal suspende referendo da Catalunha
O Tribunal Constitucional suspendeu, esta tarde, o decreto da Lei das Consultas da Catalunha, que havia sido aprovado pelo Parlamento no passado dia 19.
A decisão foi tomada durante uma reunião extraordinária em que estiveram presentes 12 membros do Tribunal Constitucional, e que decidiram suspender o referendo, que estava agendado para o dia 9 de novembro.
A decisão do TC sai poucas horas depois do presidente do Governo espanhol ter afirmado que o Governo recorreu contra a consulta independentista catalã porque é “anticonstitucional e antidemocrática”. A decisão do TC foi tomada por unanimidade.
A decisão foi tomada por unanimidade numa reunião extraordinária do plenário do TC que começou cerca das 18:45 com a presença de 12 membros do tribunal, segundo as mesmas fontes.
Em causa estão dois recursos, um contra a Lei de Consultas - aprovada a 20 de setembro pelo parlamento catalão - e outro contra o decreto de convocatória da consulta independentista de 9 de novembro, assinado pelo presidente catalão, Artur Mas, no sábado.
Mariano Rajoy, presidente do Governo espanhol afirmou hoje que o Governo recorreu contra a consulta independentista catalã porque é "anticonstitucional e antidemocrática" e baseada em argumentos que rompem a soberania.
Esta suspensão cautelar dá um prazo de cinco meses ao TC para se pronunciar, o que pode levar uma decisão final para depois da data prevista da consulta, a 9 de novembro.
Ainda assim, durante o período de suspensão, a Generalitat, o Governo regional catalão, não poderá levar a cabo qualquer ação relacionada com a consulta, incluindo a campanha que começou no sábado ou os preparativos logísticos.
Apesar disso, os líderes catalães insistiram hoje que os recursos do Governo espanhol contra a consulta não vão parar o processo e terão "consequências maiúsculas".
Francesc Homs, conselheiro da presidência e porta-voz do Governo regional catalão afirmou hoje que o Governo comete "um erro de consequências maiúsculas" com a apresentação dos recursos que "não matarão" mas sim reforçarão o processo soberanista.
"Se pensam que fazendo isto o matam, estou convencido de que isto, o que faz, é reforçar ainda mais o movimento que há na Catalunha", disse à televisão catalã TV3.
Homs confirmou ainda que o Governo regional manterá a preparação da consulta, mesmo perante uma suspensão cautelar.
Caso as autoridades catalãs e o presidente regional, Artur Mas, mantenham o calendário, ignorando ou desobedecendo a instruções do TC, poderão estar em causa vários delitos.
Especialistas citados pela imprensa espanhola sugerem que caso a consulta se leve a cabo, contra uma eventual decisão do TC, Artur Mas pode ser acusado dos delitos de prevaricação, desobediência, uso fraudulento de dados pessoais e até de sedição.
Em causa poderá estar também a má gestão de fundos públicos, pelos 8,9 milhões de euros que se estima como orçamento da consulta sobre o futuro da Catalunha.
Fonte:NM

Extravagância Iggy Azalea deita fora roupa interior após concertos

A rapper confessou que após cada concerto deita fora a roupa interior que usou, mesmo aquela que estreou durante o espetáculo.
Iggy Azalea deita fora roupa interior após concertos
Iggy Azalea deita fora a roupa interior após cada concerto. A rapper de 24 anos presenteia-se com novas lingeries antes de cada espetáculo, mas admite que não as usa mais pois acaba por deitar a roupa fora.
"Em todos os espetáculos uso uma lingerie nova. Uso e depois deito fora, e esse é o fim”, disse a rapper ao programa Breakfast Show, da Radio Kiss FM.
No entanto, Iggy não e a única ‘estrela’ a deitar fora as suas roupas íntimas após um concerto. Rita Ora - que juntou-se com Iggy na música ‘Black Widow’ - faz exatamente o mesmo.
Apesar de seu estilo de vida extravagante, Iggy insiste que o que mais gosta é de relaxar em sua casa sem maquilhagem e com roupas folgadas e confortáveis. 
Fonte: NM

PS Esquerda aberta a diálogo com Costa mas sem Rui Rio

Daniel Oliveira, do movimento Fórum Manifesto, mostrou-se, em declarações ao Observador, aberto à possibilidade de dialogar com António Costa caso este vença as legislativas, mas com uma condição: sem Rui Rio.
POLÍTICA
Esquerda aberta a diálogo com Costa mas sem Rui Rio
Ainda falta um ano para as eleições legislativas – se estas se realizarem na data estimada – mas já se fazem previsões para o caso de António Costa sair vencedor.

Considerando que é “improvável” e “pouco benéfica para o país” a conquista de uma maioria absoluta, partidos/movimentos da esquerda como Fórum Manifesto já se mostraram abertos ao diálogo com o PS.
Ao Observador, Daniel Oliveira afirmou: “Se o candidato do PS recusar a ideia de perpetuar o arco da governação, então abre espaço para o diálogo, e nós, enquanto projeto político, estamos dispostos a dialogar”.
Mas com uma condição: “Não pode dizer que tanto fala com Rui Rio como com a esquerda. (…) Não se trata de uma questão de aritmética, mas sim de uma questão política“.
“É mais fácil dialogar com António Costa do que com António José Seguro, porque é mais fácil dialogar com um líder mais forte”, assegurou, em todo o caso.
Fonte: NM

Hong Kong EUA pedem moderação às autoridades face a protestos pró-democracia

Os Estados Unidos pediram hoje às autoridades de Hong Kong para agirem com "moderação" perante os protestos pró-democracia que estão a reunir dezenas de milhares de manifestantes nas ruas da Região Administrativa Especial chinesa.
MUNDO
EUA pedem moderação às autoridades face a protestos pró-democracia
"A administração norte-americana está a acompanhar atentamente a situação em Hong Kong", afirmou o porta-voz da Casa Branca, Josh Earnest, em declarações à comunicação social.
"Os Estados Unidos pedem às autoridades de Hong Kong para mostrarem moderação e aos manifestantes para expressarem as suas opiniões de forma pacífica", acrescentou o representante.
O apelo da administração norte-americana ocorre depois de a polícia de Hong Kong ter usado, no domingo, gás lacrimogéneo contra os manifestantes.
Hoje, a polícia de Hong Kong afirmou ter recorrido por "87 vezes" a gás lacrimogéneo durante os confrontos com os ativistas, em nove localizações diferentes, bem como defendeu o uso da força contra os manifestantes.
"O uso da força é utilizado quando não temos outra alternativa", disse o comissário adjunto da Polícia, Cheung Tak-keung, numa conferência de imprensa.
O porta-voz da Casa Branca afirmou igualmente que Washington apoia a instituição do sufrágio universal em Hong Kong, indicando mesmo que essa posição já foi transmitida às autoridades de Pequim.
"Os Estados Unidos apoiam o sufrágio universal em Hong Kong, de acordo com a Lei Básica, e apoiam as aspirações do povo de Hong Kong", afirmou Josh Earnest.
"Temos transmitido consistentemente a nossa posição a Pequim e continuaremos a fazê-lo", referiu.
Os manifestantes contestam uma decisão de Pequim que limita o sufrágio universal na antiga colónia britânica, que regressou à soberania chinesa em julho de 1997.
A China prometeu a Hong Kong que o chefe do Executivo local a eleger em 2017 poderia ser escolhido livremente pela população.
No entanto, a 31 de agosto, Pequim determinou que os candidatos ao cargo têm de reunir mais de metade dos votos de um comité de nomeação.
Uma coligação de grupos pró-democracia -- liderada pelo movimento 'Occupy Central' -- considerou o plano de Pequim uma "falsa democracia" e prometeu levar a cabo uma série de ações incluindo um bloqueio ao centro financeiro de Hong Kong.
"Acreditamos que uma sociedade aberta, com um maior grau de autonomia possível e governada pelo primado da lei, é essencial para a estabilidade e a prosperidade de Hong Kong", concluiu o porta-voz da Casa Branca.
Entretanto, uma petição publicada no 'site' da Casa Branca a pedir que o Presidente norte-americano, Barack Obama, faça pressão sobre Pequim para "evitar um segundo massacre de Tiananmen" em Hong Kong já reuniu, até hoje à tarde, mais de 185.000 assinaturas.
O texto foi publicado no dia 04 de setembro neste espaço online criado pela Casa Branca, que é dedicado exclusivamente a petições.
A administração de Obama assume o compromisso de responder a qualquer petição que atinja a fasquia das 100 mil assinaturas após 30 dias da respetiva publicação.
Fonte: NM

Catalunha Artur Mas considera Governo espanhol "hostil"

O presidente catalão Artur Mas considerou hoje "hostil" a atitude do Governo espanhol, por apresentar recursos judiciais contra a consulta independentista, criticando também a "velocidade supersónica" do Tribunal Constitucional (TC) para a travar.
MUNDO
Artur Mas considera Governo espanhol hostilMas falava na apresentação no Palau da Generalitat, sede do Governo regional, do Livro Branco da Transição Nacional da Catalunha, documento que reúne os 18 relatórios do Conselho Assessor para a Transição Nacional (CATN), produzidos nos últimos meses.

Os comentários de Mas, em Barcelona, foram feitos depois de, em Madrid, o Tribunal Constitucional, reunido num plenário extraordinário, ter admitido a entrada dos dois recursos de inconstitucionalidade contra a consulta independentista aprovados hoje pelo Governo, uma decisão que suspende aquela iniciativa catalã.
O TC, que recebeu os recursos ao início da tarde, convocou de imediato um plenário extraordinário que decorreu em Madrid e seus os 12 elementos do tribunal admitiram a tramitação dos recursos.
Artur Mas rejeitou o argumento do Governo, garantindo que a consulta de 9 de novembro "não é um referendo encoberto" e, como tal, não pode ser considerada ilegal.
Para Mas, em vez de ser um Estado de "convicção democrática plena" que já estaria, neste momento, a debater o voto 'sim' ou 'não', o Governo espanhol prefere adotar a postura de "nem perguntar, nem deixar perguntar" aos cidadãos.
O presidente catalão instou o TC a exercer verdadeiramente o papel de árbitro que lhe confere a lei, procurando ser um tribunal "de todos" e não unicamente de uma parte interessada, a do Governo central.
A suspensão cautelar tem uma vigência de cinco meses, um prazo findo o qual se o TC ainda não ditou sentença, deve decidir se prorroga a medida cautelar ou a levanta.
Especialistas antecipam que não deverá haver uma decisão final antes da data prevista da consulta, a 9 de novembro.
Ainda assim, durante o período de suspensão, a Generalitat, o Governo regional catalão, não poderá levar a cabo qualquer ação relacionada com a consulta, incluindo a campanha que começou no sábado e os preparativos logísticos
fonte: NM

PS Equipa mista é fórmula para Costa conseguir consenso no partido

Os apoiantes de Seguro afirmam que se António Costa apostar numa equipa mista para a Assembleia da República mais facilmente conseguir obter um consenso no seio do partido, conta o Sol.
POLÍTICA
Equipa mista é fórmula para Costa conseguir consenso no partido
De acordo com o Sol, a eleição da nova direção na bancada do PS é vista pelo sector segurista como o primeiro passo para conhecer os planos de António Costa para unir o partido.
Posto isto, as expectativas já estão ao rubro, sendo que “se Costa quiser dar sinais no sentido do reforço interno irá formar uma equipa mista”, onde figurem deputados que apoiaram Seguro, defende uma fonte da atual direção parlamentar. Os que apoiaram Costa, não estão, porém, totalmente de acordo com isto.
A solução de Costa pode influenciar a atitude que os seguristas irão adotar nas diretas para secretário-geral e no congresso, sendo que ao “incluir opositores estará a passar uma mensagem de que vai unir o partido” e os homens de Seguro ficarão com uma expectativa positiva, prescindindo de uma candidatura própria no congresso e de um candidato próprio a secretário-geral nas eleições diretas.
A decisão caberá ao presidente da Câmara Municipal de Lisboa sendo que, com o resultado obtido por Costa não existe espaço para pressões.
O Sol lembra, também, que com a demissão do líder parlamentar Alberto Martins é necessário eleger um novo, sendo o nome de Ana Catarina Mendes, a diretora de campanha de Costa, o nome mais falado para o lugar. 
Fonte: NM

Câmara Porto apresenta nova imagem onde cabe a cidade inteira

A Câmara Municipal do Porto apresentou hoje a nova imagem gráfica da cidade, concebida por Eduardo Aires, que pretendeu reunir na marca Porto todos os elementos do município, como explicou o presidente da autarquia, Rui Moreira.
PAÍS
Porto apresenta nova imagem onde cabe a cidade inteira
Numa cerimónia que decorreu no átrio dos Paços do Concelho, Rui Moreira afirmou que esta é uma marca "constituída por muitas componentes": "onde já estão o vinho, o futebol, o rio, o mar, os templos de cultura, religiosos e institucionais e o património imaterial riquíssimo, que são as nossas tradições, as nossas festas e o nosso caráter".
"Queríamos ter uma imagem que juntasse o Porto todo. E de facto é esta descrição, é Porto ponto", acrescentou o presidente da Câmara Municipal do Porto, em referência ao ponto que se segue ao nome da cidade na nova imagem, colorida a um azul e branco ligado ao azulejo.
As páginas institucionais do universo camarário como www.cm-porto.pt e o novo www.porto.pt estão já ativas, tendo o autarca ressalvado que "nem todas as funções destes 'sites' estarão hoje a funcionar em pleno, mas até ao final do ano [estarão] disponíveis novas aplicações de georreferenciação e inteligência artificial que permitirão aos portuenses, mas também aos que visitam, terem uma visão mais global e cosmopolita da cidade".
Entretanto a revista municipal, "um órgão de informação mais política", foi suspensa para equilibrar os custos da operação, estando prevista a sua reedição "brevemente, com outro cariz".
"O Porto dirá se o trabalho que hoje apresentámos será adotado. Mas estou convencido de que sim. Este Porto é o Porto liberal, irreverente, inconformado, criativo e com caráter que conheço. Revejo-me nele. E é um Porto aberto", declarou Rui Moreira.
Por seu lado, Eduardo Aires explicou que este "rosto novo para a cidade que se exprime na palavra Porto apela simultaneamente a algo que já existe há muito tempo", ou seja, "nesta palavra está um Porto novo muito antigo".
"Também a cor foi um aspeto fundamental da proposta. As igrejas e os edifícios revestidos de azulejos ocupam um lugar dominante no imaginário dos portuenses e dos visitantes. O azulejo cativou-nos por ser uma espécie de retrato estático da vida urbana. Os painéis de azulejos são contadores de histórias", referiu Eduardo Aires.
Rui Moreira, que salientou que a toponímia da cidade não sofrerá alterações, concluiu dizendo que "o Porto não mudou hoje a sua imagem", mas que os portuenses é que mudaram hoje a sua "forma de olhar o Porto".
Fonte: NM

Champions Esgaio, Carlos Mané e Tanaka fora das escolhas para o Chelsea

O defesa Ricardo Esgaio e os avançados Carlos Mané e Tanaka ficaram hoje fora da convocatória do Sporting para a receção ao Chelsea, em jogo da segunda jornada do Grupo G da Liga dos Campeões de futebol.
DESPORTO
Esgaio, Carlos Mané e Tanaka fora das escolhas para o Chelsea
Os três jogadores tinham integrado as escolhas do treinador Marco Silva para o desafio de sexta-feira com o FC Porto (1-1), da sexta jornada da I Liga, mas saem agora do lote de convocados, reduzido para 18 jogadores.
O Sporting recebe na terça-feira o Chelsea, numa partida marcada para as 19:45, no Estádio José Alvalade, em Lisboa, e que terá arbitragem do espanhol Antonio Mateu Lahoz.
Na primeira jornada, as duas equipas somaram um ponto, com o Sporting a empatar em Maribor e o Chelsea com o Schalke 04, em Londres, ambos 1-1.
Lista de 18 convocados:
- Guarda-redes: Rui Patrício e Marcelo Boeck.
- Defesas: Cédric, Maurício, Sarr, Paulo Oliveira, Jefferson, Jonathan Silva.
- Médios: William Carvalho, Oriol Rosell, Adrien, André Martins, João Mário.
- Avançados: Carrillo, Nani, Capel, Slimani e Montero.
Fonte: NM

domingo, 28 de setembro de 2014

FC Porto BES: Pinto da Costa sente-se "vigarizado" por Passos e Cavaco

O presidente do FC Porto, Pinto da Costa, disse no sábado sentir-se "vigarizado" com a atuação do primeiro-ministro, Passos Coelho, e do presidente da República, Cavaco Silva, na questão do BES, questionando se vão "indemnizar aqueles a quem enganaram".
DESPORTO
BES: Pinto da Costa sente-se vigarizado por Passos e Cavaco
"Senti-me vigarizado, não enganado. Foram-me ao bolso. Fui prejudicado com a falência do BES. Não em números astronómicos, mas significativos. Nunca tive ações do banco, mas quando as vi a descer e ouvi o primeiro-ministro a dizer que era um banco seguro, com almofada para pagar o dobro das dívidas que tinha, e o presidente da República a dizer o mesmo... Confiava no que diziam. Fiz como muita gente e investi em ações do BES", começou por explicar o dirigente.
Em entrevista ao Porto Canal, e sempre crítico com a atuação dos altos responsáveis políticos, completou: "Não faço ideia se agora o presidente e o primeiro-ministro vão ou não indemnizar os que enganaram. Do BES nada espero, não me enganaram".
Pinto da Costa manifestou-se ainda desagradado com a ação do Governo de Passos Coelho, bem como a oposição do Partido Socialista, cuja liderança é jogada nas eleições primárias de domingo, que opõem António José Seguro e António Costa.
"O governo está na situação em que está e a alternativa seria o PS que vemos dividido em campanha eleitoral, na qual não foi dito nada de interessante, limitando-se a luta pessoal, ataque direto. Uma péssima imagem. A conclusão é de que nada há de positivo e de interesse para o país e para o cidadão vulgar", lamentou.
O dirigente do futebol sugeriu uma terceira via: "Quando o Governo é o que é e a esperança está dividida desta maneira, temo muito que não tenhamos solução. Só se surgir uma terceira figura que num congresso possa agregar. Fernando Gomes [ex-presidente da Câmara do Porto e atual administrador da SAD do FC Porto] tem toda a capacidade, mas tem um compromisso comigo. O João Soares? A situação como está, é muito difícil haver união".
"Com a alternância dividida, não há alternância, nem solução. Que volte a 'troika' e ponha um primeiro-ministro e ministro das Finanças por sorteio. Assim pode calhar gente simpática. A 'troika' que mande como tem mandado", concluiu.
Fonte: NM

Pró-democracia Governo chinês confia na polícia para lidar com protestos

O Governo da China considerou hoje que as autoridades de Hong Kong têm capacidade para lidar, de acordo com a lei, com "reuniões ilegais", como a de hoje, organizada por manifestantes pró-democracia que já levou a cargas policiais.
MUNDO
Governo chinês confia na polícia para lidar com protestos
Na imprensa estatal, um porta-voz governamental disse que Pequim se "opôs firmemente contra todas as atividades ilegais que podem minar a lei e colocar em risco a paz social".
Oferecendo o "seu forte apoio" às autoridades de Hong Kong, o Governo de Pequim, que tem uma guarnição militar em Hong Kong desde que retomou a soberania sobre a ex-colônia britânica, em 1997, descreveu a manifestação de hoje como "uma reunião ilegal".
O protesto juntou milhares de manifestantes pró-democracia, que paralisaram o centro de Hong Kong, contra a decisão de Pequim de limitar o sufrágio universal.
As forças de segurança usaram gás pimenta e lacrimogénio contra os manifestantes, que invadiram uma importante via no centro daquele território chinês.
Os manifestantes gritaram "Vergonha, Vergonha e Vergonha", tentando, com chapéu-de-chuva e lonas de plástico, travar as nuvens de gás lacrimogénio, raramente utilizadas pela polícia em Hong Kong.
"Nós temos o direito de estar aqui e protestar", disse um estudante de 19 anos, Ryan Chung, citado pela France Presse, acrescentando: "O mundo deve saber o que está a acontecer em Hong Kong. O mundo deve saber que queremos a democracia, mas que não conseguimos isso".
O protesto paralisou o trânsito no centro de Hong Kong, centro de negócios da cidade.
Esta manifestação sucedeu ao protesto de hoje junto ao complexo governamental de Hong Kong, no primeiro dia da campanha de desobediência civil promovida pelo movimento "Occupy Central", inicialmente previsto para iniciar-se na próxima quarta-feira.
No protesto junto ao Governo local, no qual os manifestantes forçaram o cordão de segurança montado pela polícia, cinco pré democratas, incluindo três deputados, foram detidos.
A China fez a promessa a Hong Kong que o seu chefe do Executivo, a eleger em 2017, poderia ser escolhido livremente pela população.
No entanto, a 31 de agosto, o Governo de Pequim, liderado por Leung Chun-ying, determinou que os candidatos ao cargo terão de ser submetidos à apreciação de um comité de nomeação e que a eleição só será possível com mais de metade dos votos.
Fonte: NM

Cuzco Pelo menos oito pessoas morreram em sismo no Peru

Pelo menos oito pessoas morreram, entre as quais quatro crianças, e seis ficaram feridas na sequência de um sismo registado no sábado à noite na localidade de Paruru, na região de Cuzco, no Peru, informaram hoje fontes oficiais.
MUNDO
Pelo menos oito pessoas morreram em sismo no Peru
O sismo, que atingiu uma magnitude de 5,1 graus na escala aberta de Richter e teve seu epicentro a sete quilómetros de Paruro, destruiu praticamente todas as casas na cidade de Miscaa, adiantou o presidente do Instituto Nacional de Defesa Civil (Indeci), Alfredo Murgueytio.
"Temos o registo de oito pessoas mortas, quatro das quais são menores, e seis pessoas feridas", adiantou Alfredo Murgueytio, que viajou para a região afetada.
Dos seis feridos, dois foram transportadas para a cidade de Cuzco e quatro permanecem em Paruro", disse Alfredo Murgueytio, que viajou para a região afetada.
O presidente do Indeci acrescentou que, além de casas destruídas em Misca, também foi afetada uma estrada.
O Governo regional está já a coordenar as ações para desobstruir a estrada, acrescentou.
No local, estão elementos da polícia, bombeiros, voluntários e representantes do Ministério da saúde, que realizaram o trabalho de resgate e auxílio às vítimas.
A primeira-ministra do Peru, Ana Jara, afirmou no Twitter que o Governo está a acompanhar as informações sobre o sismo e anunciou que as autoridades vão viajar para a zona atingida.
Fonte: NM

Ministra Exército alemão é incapaz de responder aos compromissos da NATO

A ministra da Defesa alemã, numa entrevista hoje publicada pelo jornal Bild, afirma que, por problemas de equipamento, o exército é incapaz atualmente de dar resposta aos compromissos da NATO.
MUNDO
Exército alemão é incapaz de responder aos compromissos da NATO
Segundo Ursula von der Leyen, o exército germânico ("Bundeswehr") é incapaz de lidar com as exigências relacionadas com as atuais operações da Aliança Atlântica, bem como às crises a curto prazo.
O fornecimento de peças de reposição para aviões e as falhas que afetam helicópteros navais estão na causa desta indisponibilidade, explicou a governante.
Na semana passada, um pequeno grupo de soldados alemães, cujo papel era treinar combatentes curdos na utilização de armas alemãs, chegou ao norte do Iraque, com um atraso de alguns dias, devido a problemas técnicos relacionados com o equipamento transporte da "Luftwaffe" (Força Aérea Alemã).
Vários meios de comunicação de social alemães têm apontado nos últimos dias, as falhas técnicas afetam helicópteros e aviões de combate, transporte de tropas e veículos blindados do Exército alemão. "A Bundeswehr é para a sucata?" -- interrogava, este fim de semana, o jornal Bild.
A ministra, que visitou o norte do Iraque na semana passada, disse que o equipamento utilizado durante as grandes operações está num estado "muito bom", mas a manutenção dos "stocks" tinha sido colocada em segundo plano.
Para melhorar a situação, há que "desenvolver inventários, reparar com rapidez e comprar melhores equipamentos, o que vai custar mais a médio prazo", com consequências previsíveis sobre o orçamento de Defesa, disse.
Fonte: NM

Liga dos Campeões Cuneyt Çakir arbitra Shakhtar-FC Porto

O turco Cuneyt Çakir e o espanhol Antonio Mateu Lahoz foram nomeados hoje pela UEFA para arbitrar na terça-feira os jogos Shakhtar Donetsk-FC Porto e Sporting-Chelsea, da segunda jornada da Liga dos Campeões de futebol.
DESPORTO
Cuneyt Çakir arbitra Shakhtar-FC Porto
Internacional desde 2006, Cuneyt Çakir cruza-se pela terceira vez com o FC Porto, num jogo do Grupo H, que se realiza em Lviv, na Ucrânia, depois de ter apitado a vitória do Manchester City no Dragão (2-1) nos 16 avos de final da Liga Europa de 2011/12 e um triunfo dos portugueses em casa sobre o Gotemburgo (2-1) nas fase de grupos da "Champions" em 1996/97.
Árbitro da meia-final do Mundial entre a Holanda e a Argentina, Cuneyt Çakir, de 37 anos, esteve no Estádio da Luz no ano passado, na primeira mão da meia-final da Liga Europa em que o Benfica venceu a Juventus, por 2-1.
No estádio José Alvalade, o espanhol Antonio Mateu Lahoz, também com 37 anos e internacional desde 2011, dirige pela primeira vez um jogo com clubes portugueses, arbitrando a partida do Grupo G em que o Sporting recebe o Chelsea, comandado por José Mourinho.
Fonte: NM

Treinador Lopetegui deixa Quaresma em terra

Mera opção técnica. Extremo, que tinha sido substituído em Alvalade ao intervalo, nem viaja para a Ucrânia, onde o FC Porto disputa esta terça-feira o segundo jogo da fase de grupos da Liga dos Campeões diante do Shakhtar
DESPORTO
Lopetegui deixa Quaresma em terra
Ricardo Quaresma ficou de fora dos convocados para o o jogo da próxima terça-feira para a Liga dos Campeões, em Lviv, diante do Shakhtar Donetsk.
A decisão de Lopetegui não é nova. Realce para os regressos de Maicon, Quintero, do Ricardo e do guarda-redes Ricardo Nunes. Para além de Quaresma, também o lesionado Casemiro e o central Diego Reyes ficaram em terra.
O FC Porto partiu este domingo para a Ucrânia.
Eis a lista de convocados: Fabiano, Andrés Fernández, Ricardo Nunes, Danilo, Martins Indi, Maicon, Marcano, Brahimi, Jackson Martínez, Quintero, Tello, Evandro, Herrera, Adrián López, Ricardo, Alex Sandro, Óliver Torres, Rúben Neves e Aboubakar.
Fonte: NM

Honduras Olimpíadas de Matemática valem a Portugal ouro e bronze

Três alunos portugueses trouxeram para Portugal duas medalhas de ouro e uma de bronze, que conquistaram nas Olimpíadas Ibero-Americanas de Matemática, em San Pedro Sula, nas Honduras.
PAÍS
Olimpíadas de Matemática valem a Portugal ouro e bronze
Três estudantes de secundário elevaram o nome de Portugal em San Pedro Sula, nas Honduras, ao participar nas Olimpíadas Ibero-Americanas de Matemática.
De acordo com a edição online do Público, David Martins, da Escola Secundária de Mirandela, Francisco Andrade, da Escola Secundária do Padrão da Légua (Matosinhos) e Henrique Aguiar, da Escola Secundária José Estevão (Aveiro) conquistaram duas medalhas de ouro e uma de bronze.
David Martins, aluno de 12º ano, repetiu o resultado obtido em 2012, na Bolívia. Também Francisco Andrade, de 11º, conseguiu a segunda medalha de ouro. Henrique Aguiar, estudante de 11º ano, por sua vez, conquistou uma medalha de bronze.
“Em dois anos consecutivos, Portugal obteve três medalhas de ouro, duas de prata e duas de bronze, o que traduz a progressão do desempenho das equipas portuguesas neste tipo de competições e o esforço continuado de estudantes, professores e equipas de apoio e treino”, reagiu o ministério da Educação.
Na competição participaram 82 alunos de 22 países.
Fonte: NM

EUA Carteiro preso por furtar uma tonelada de cartas em nove anos

Um carteiro foi preso, nos Estados Unidos, por furtar, ao longo de nove anos em que exerceu a atividade, mais de 40 mil correspondências. Segundo a BBC, não se sabe ainda o que levou o homem a guardar, na sua posse, 1,1 toneladas de cartas alheias.
MUNDO
Carteiro preso por furtar uma tonelada de cartas em nove anos
Quando o supervisor de Joseph Brucato o viu a guardar no seu carro correspondências que não eram suas, não lhe passava pela cabeça que, ao longo de nove anos, este carteiro já tinha furtado 40 mil cartas alheias.
O crime foi descoberto na passada quarta-feira, mas não é recente. As autoridades descobriram que, desde 2005, o homem de 67 anos amontoou 1,1 toneladas de correspondência.
Segundo a BBC, não se sabe ainda o que levou este carteiro a apoderar-se de cartas que deveriam ser entregues na casa dos seus remetentes.
Durante o julgamento, o advogado confirmou que Joseph Brucato sofre de depressão e que tem problemas de alcoolémia.
Fonte: NM

Evento Vestidos da Princesa Diana vão a leilão em dezembro

Numa iniciativa que a própria princesa já tinha tido, em 1997, para fins filantrópicos, vários vestidos de Diana de Gales serão leiloados em Beverly Hills, Califórnia.
FAMA
Vestidos da Princesa Diana vão a leilão em dezembro
Uma seleção de vestidos utilizados pela Princesa Diana será vendida ao final deste ano no estado da Califórnia, Estados Unidos. Os organizadores do evento acreditam que os icónicos vestidos, criados pela estilista Catherine Walker (falecida em 2010), sejam vendidos por um valor entre os 38 mil euros e os 64 mil euros.
No entanto, não são apenas os vestidos que irão a leilão na casa de leilões Julien's Auctions, no dia 5 de dezembro.
Uma cópia do catálogo do leilão original - organizado pela princesa um mês antes do acidente de carro que lhe tirou a vida, em Paris - também estará à venda, assim como um convite ao evento assinado pela própria princesa de Gales.
"A inspiração para este evento maravilhoso vem de apenas uma pessoa... o nosso filho William", diz a mensagem manuscrita, datada de junho de 1997.
Uma fatia do bolo de casamento do príncipe William com a duquesa Catherine Middleton - com um valor estimado de 1600 euros - assim como um convite em branco do casamento real também serão leiloados no mesmo evento.
Fonte: NM

Vulcão Autoridades temem que hajam mais de 30 mortos

As autoridades japonesas temem que estejam mortos os 27 caminhantes, que se encontravam no monte Ontake, na região central do Japão, quando se deu a erupção de um vulcão, no sábado passado.
MUNDO
Autoridades temem que hajam mais de 30 mortos
Até ao momento apenas foram resgatadas quatro, todas do sexo masculino e já mortas, das 31 vítimas, encontradas no topo do monte.
O monte Ontake, o segundo mais alto vulcão do Japão, é um vulcão ativo com altitude de 3067 metros, situado a 100 quilómetros a noroeste de Nagoya, entre as cidades de Gifu e Nagano, na ilha de Honshu.
A má visibilidade e os gases tóxicos que emanam do vulcão têm impedido o acesso dos socorristas, segundo informou a municipalidade de Nagano, citada pela Efe.
Estão ainda dadas como desaparecidas 45 pessoas, embora as autoridades acreditem que estejam em segurança nos abrigos de montanha.
O vulcão começou a expelir fumo, cinzas e rochas na madrugada de sábado e, desde então, continuou a lançar resíduos, segundo a Agência Meteorológica nipónica.
Centenas de pessoas faziam caminhadas no momento da erupção do vulcão, e maioria conseguiu abandonar a área pelos seus próprios meios, ou foram retirados hoje de manhã com a ajuda de helicópteros das Forças de Autodefesa do Japão.
Cerca de 40 pessoas ficaram feridas com diferentes graus de queimaduras e lesões causadas por quedas.
O número exato de pessoas que se encontravam no monte, um destino turístico popular nesta época é ainda desconhecido.
Mais de 500 polícias, bombeiros e militares foram mobilizados para as operações.
A Agência Meteorológica japonesa afirmou que "vai continuar a atividade vulcânica" e considera provável que uma nova erupção ocorra, mas estima-se que seja de intensidade baixa.
A última grande erupção do Ontake foi em 1979, quando expulsou cerca de 200.000 toneladas de cinzas; em 1991 aconteceu uma outra erupção, mas de menor amplitude, e em 2007 uma erupção causou uma série de terremotos vulcânicos.
O Japão está localizado sobre o Anel de Fogo do Pacífico e seu território tem mais de cem vulcões ativos e latentes, informa Efe.
Fonte: NM

Comissário Moedas já respondeu por escrito ao Parlamento Europeu

"Servi o governo do meu país durante uma das piores crises económicas das últimas décadas", escreveu Carlos Moedas, citado elo Expresso, na carta enviada ao Parlamento Europeu, como preparação de terreno para a audição de terça-feira.
POLÍTICA
Moedas já respondeu por escrito ao Parlamento Europeu
O comissário Carlos Moedas já respondeu, por carta, às questões que lhe foram colocadas pelos eurodeputados do Parlamento Europeu. Antes da audição, que acontece na próxima terça-feira, o comissário português teve de responder a várias questões.

A governação do país numa altura de acentuada crise e o facto de ter, no seu currículo, trabalho “em diferentes sectores, desde o ambiente, abastecimento e tratamento de água, à indústria financeira e imobiliário" foram alguns dos motes invocados por Moedas, que explica assim como se qualifica para o cargo e quais são as suas motivações pessoais.
"Servi o governo do meu país durante uma das piores crises económicas das últimas décadas. A severidade da crise, o nível de pressão social e política, a complexidade política inerente ao processo e o escrutínio dos mercados financeiros globais deram-me uma verdadeira perceção dos diferentes desafios enfrentados pela Europa hoje", declarou.
Na carta a que o Expresso teve acesso, o antigo Secretário de Estado Adjunto do primeiro-ministro salientou que o seu contributo será sintonizar o trabalho do seu pelouro com as prioridades estabelecidas, "em particular novo impulso para emprego, crescimento e investimento", e comprometeu-se a "completar a Área Europeia de Investigação" e a "reforçar as capacidades de investigação e as estratégias de inovação através dos Estados-Membros".
"Vou facilitar o investimento em estruturas de educação, investigação e inovação e procurar maximizar as sinergias com a implementação dos fundos europeus ao nível nacional e regional", acrescentou, assumindo cautelosamente o compromisso de implementar os programas Horizonte 2020 e Pacote de Investimento em Inovação.
Fonte: NM

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Ucrânia Kiev e rebeldes vão promover consultas sobre a questão da energia

As autoridades de Kiev e os rebeldes russófonos do leste da Ucrânia admitiram hoje iniciar consultas sobre o "fornecimento" de energia devido à aproximação do inverno, incluindo a questão do carvão, anunciou Andrei Pourguine, um dirigente separatista.
MUNDO
Kiev e rebeldes vão promover consultas sobre a questão da energia
"As discussões vão abordar a questão do fornecimento, incluindo carvão e eletricidade", disse, em declarações à agência noticiosa AFP, Andrei Pourguine, um dos dirigentes da autoproclamada "República popular de Donetsk", mas sem precisar a data para o início das conversações.
"Está excluída a abordagem de quaisquer acordos políticos", precisou.
As consultas, que deverão ser conduzidas no âmbito do grupo de contacto sobre a Ucrânia -- que inclui representantes de Kiev, dos rebeldes e de Moscovo -- coincidem com a aproximação do inverno, e quando Kiev continua a depender dos fornecimentos de carvão do Donbass, com centro em Donetsk, para alimentar as suas centrais térmicas.
A região do Donbass, no leste da Ucrânia, possui uma imensa bacia hulhífera e é conhecida pela sua indústria do carvão, exportado em grandes quantidades antes do início do conflito.
Kiev, a quem a Rússia também cortou os seus fornecimentos de gás devido a pagamentos em atraso e desacordo nos preços, assinou um contrato com a África do Sul para o fornecimento de carvão, com a chegada do primeiro carregamento prevista para outubro.
"Eles precisam do nosso carvão", considerou Pourguine.
As consultas também deverão abranger a questão da eletricidade, e quando os rebeldes e as autoridades de Kiev controlam atualmente diversas centrais que alimentam o território do adversário.

Fonte: NM

PS apresenta projeto de resolução sobre a "onda direita mais comprida da Europa"

O Partido Socialista (PS) apresentou no Parlamento um projeto de resolução que recomenda ao Governo a promoção da onda de Buarcos, Figueira da Foz, como a onda direita mais comprida da Europa.
POLÍTICA
PS apresenta projeto de resolução sobre a onda direita mais comprida da Europa
Os deputados João Portugal e Mário Ruivo, que assinam o documento, lembram que a onda de Buarcos está inscrita no Plano Estratégico Nacional do Turismo (PENT), por resolução do Conselho de Ministros de abril de 2013, como a onda direita (que se desenvolve da esquerda para a direita) mais comprida do continente europeu, exigindo do executivo a "devida promoção da Figueira da Foz como um concelho com condições ímpares para a prática do surf".
Os deputados lamentam ainda que na edição da FITUR - Feira de Turismo de Madrid o Turismo de Portugal não tenha efetuado a promoção internacional da onda da Figueira da Foz, ao contrário do que aconteceu, alegam, com a onda da Nazaré.
"O projeto de resolução vai ser apreciado, votado e, se for aprovado, o Governo terá de cumprir a recomendação", disse à agência Lusa o deputado João Portugal.
Já Miguel Figueira, do movimento de cidadãos SOS Cabedelo - entidade que fez a proposta de inclusão da onda de Buarcos no referido plano estratégico - congratulou-se pela iniciativa dos deputados socialistas, mas deixou críticas quer ao Governo quer à autarquia da Figueira da Foz, apontando a "falta de estratégia" na promoção da cidade enquanto destino de surf.
"A onda de Buarcos não estava no PENT, foram os cidadãos que a meteram lá e a Câmara nem sequer subscreveu a iniciativa nem nada disse para o PENT", frisou Miguel Figueira.
Por outro lado, referiu que a onda da Figueira da Foz, que se estende do Cabo Mondego à baía de Buarcos, é a única caracterizada no PENT, ao contrário das de Peniche e da Nazaré, cuja inscrição no plano está diretamente relacionada com os eventos que ali se realizam.
"E o Turismo de Portugal tem a máquina [de promoção] oleada do lado dos eventos, mas não tem nada do lado da cidadania, porque não se valoriza a cidadania", lamentou.
Miguel Figueira também criticou a autarquia da Figueira da Foz, exemplificando com as comemorações do Dia Mundial do Turismo, que decorrem no sábado: "nas comemorações, a iniciativa na Figueira é andar de bicicleta. Não tenho nada contra as bicicletas, mas então e as ondas? As pessoas não se relacionam com a onda porque nem sabem onde é", lamentou.
Acrescentou que existe sinalética na cidade a indicar a localização de um aquaparque [colocada e paga pelo investidor privado], "mas não existe nenhuma a dizer onde são as ondas".
O movimento SOS Cabedelo, segundo Miguel Figueira, para além da inclusão da onda de Buarcos no PENT, tem realizado iniciativas de promoção do surf na Figueira da Foz, a nível nacional e internacional, exortando a autarquia a trabalhar nessa promoção.
"Felicitamos a iniciativa [dos deputados], porque estamos a valorizar o que é nosso. Mas é preciso fazer muito mais e o trabalho começa em casa", afirmou Miguel Figueira, numa alusão ao facto de João Portugal, para além de deputado, ter o pelouro do Turismo na autarquia da Figueira da Foz.
Na resposta, João Portugal - que assumiu recentemente o pelouro em que antes coadjuvava o presidente da Câmara - garantiu a intenção da autarquia em trabalhar em conjunto com a iniciativa privada na promoção dos desportos de ondas.
"Mais do que estarmos a dizer o que fez e o que não se fez no passado, é preciso colaborarmos e trabalhar em conjunto", frisou.
Fonte: NM