Total de visualizações de página

sábado, 31 de agosto de 2013

Veja um buraco causado pelo impacto de um micrometeorito

1175693_649817781702629_404125524_n
Utilizando sua página oficial no Facebook, o astronauta canadense Chris Hadfield divulgou a imagem acima. Ele escreveu: “Isto é o que um buraco feito por um micrometeorito se parece, encontrado após a aterrissagem, no radiador da Space Shuttle Endeavour”.
Hadfield foi o primeiro astronauta de seu país a fazer uma “caminhada espacial” e a comandar uma expedição na Estação Espacial Internacional. Ele está de volta à Terra após comandar a Expedição 35.A espaçonave a que ele se refere, a Endeavour, é uma das sondas aposentados do programa Space Shuttle, da NASA, a agência espacial dos Estados Unidos. A Endeavour foi o quinto e último ônibus espacial da NASA a ser construído. Fez seu voo inicial em maio de 1992, e sua última missão, a STS-134, foi concluída em maio de 2011.
O Congresso dos Estados Unidos autorizou a construção do Endeavour em 1987, para substituir o Challenger, que foi perdido no acidente de lançamento da STS-51-L, em 1986. [CH.]
Fonte: hypescience

Ouvir metáforas faz você “sentir” o que estão lhe contando


Quando um amigo lhe conta sobre um dia ensolarado, você sente um calor subindo pelo corpo? Segundo um novo estudo, o cérebro pode “repetir” experiências sensoriais para ajudar as pessoas a compreender metáforas comuns.
Linguistas e psicólogos têm estudado quais partes do cérebro mediam a experiência sensorial e estão envolvidas na compreensão de metáforas.
Eles salientam que nossa linguagem cotidiana está cheia de metáforas, e algumas são tão comuns (por exemplo, “ter um dia de cão”) que não parecem especialmente novas ou surpreendentes. Mas a compreensão dessas metáforas pode basear-se em nossas experiências sensoriais e motoras.
A pesquisa usou imagens de cérebro para revelar uma região importante para a detecção da textura através do tato – o opérculo parietal -, também ativado quando alguém escuta uma frase com uma metáfora textural – por exemplo, “ter uma conversa áspera”. A mesma região não é ativada quando uma sentença semelhante expressando o significado da metáfora é ouvida.
“Nós percebemos que as metáforas ativam as áreas do córtex cerebral envolvidas nas respostas sensoriais, mesmo que sejam bastante familiares”, disse o professor de neurologia, medicina de reabilitação e psicologia Krish Sathian. “O resultado ilustra como podemos recorrer a experiências sensoriais para alcançar a compreensão da linguagem metafórica”, explica.
Ou seja, pode ser que seu cérebro se recorda de algo áspero que você já tocou, para que você entenda o que seu amigo quis dizer com “conversa áspera”.
No estudo, sete estudantes universitários foram convidados a ouvir frases contendo metáforas texturais, bem como frases explicando seus significados e estruturas. Eles deveriam pressionar um botão assim que entendessem cada frase.
O fluxo sanguíneo em seus cérebros foi monitorado por ressonância magnética funcional. Em média, a resposta a uma frase contendo uma metáfora demorou um pouco mais (0,84 segundos, versus 0,63 segundos).
Em um estudo anterior, os pesquisadores já haviam mapeado, em cada um desses indivíduos, quais partes do cérebro eram envolvidas no processamento de texturas reais através de tato e visão. Isso permitiu que os cientistas estabelecessem com segurança o link entre metáforas envolvendo texturas e a experiência sensorial da textura em si dentro do cérebro de cada aluno.
“Curiosamente, regiões corticais visuais não foram ativadas por metáforas texturais, o que se encaixa com outras provas da primazia do toque na percepção da textura”, disse o pesquisador Simon Lacey, principal autor do estudo.
Os pesquisadores não encontraram diferenças específicas de cada metáfora em regiões corticais conhecidas pelo envolvimento na geração e processamento da linguagem, tais como áreas de Broca ou de Wernicke. No entanto, este resultado não exclui um papel para estas regiões em metáforas de transformação.
Os cientistas não acreditam que há apenas uma área responsável pelo processamento da metáfora no cérebro. Várias linhas recentes de pesquisa indicam que o envolvimento com conceitos abstratos é distribuído em todo o cérebro.
A nova pesquisa destaca o papel das redes neurais, ao invés de uma única área do cérebro, nesses processos. O que pode acontecer é que o cérebro realiza uma “simulação interna” (da textura) como forma de entender a metáfora, e é por isso que regiões associadas com o toque se envolvem com o processo.
Como próximo passo, os cientistas vão pesquisar se relações semelhantes existem para outros sentidos, como visão. Os pesquisadores também planejam investigar se a estimulação magnética do cérebro em regiões associadas com a experiência sensorial pode interferir com a compreensão de metáforas.[ScienceDaily]
Fonte: hypescience

Atrito é finalmente desvendado pela ciência


Este é mais um dos pequenos mistérios da ciência que os professores parecem evitar de ensinar aos alunos, talvez com receio de que eles percam a confiança no que é ensinado ou na própria ciência. O fato é que os cientistas não sabem exatamente qual a causa do atrito.
O atrito tem sido estudado deste os experimentos de Leonardo da Vinci, e muito se sabe sobre ele, como que o desgaste das superfícies e a aplicação de um fluido entre elas altera o atrito ou fricção, por exemplo, mas a causa do atrito permanece um mistério. A teoria mais convincente era de que as rugosidades dos corpos em escala microscópica originavam pontos de contato que acabavam se soldando instantaneamente, e depois se rompendo.
Esta teoria explicava parte do fenômeno de atrito, mas deixava algumas perguntas sem resposta. Uma delas é a explicação para o atrito “escorrega e gruda”, onde duas superfícies estão em contato, imóveis, até o atrito estático ser vencido, levando a um movimento instantâneo, o “escorrega”, seguido de outro contato imóvel, o “gruda”, responsável pela produção de um ruído irritante, como o do freio do carro, ou de unhas, etc.
O dr. Lasse Makkonen, Cientista Diretor do VTT Technical Research Centre da Finlândiaapresentou uma explicação para a origem do atrito entre objetos sólidos. Pelo modelo do dr. Makkonen, o atrito resultaria da energia de superfície dos materiais. A sua teoria ajuda a explicar não só a formação do calor pelo atrito de superfícies secas, e a força de atrito que surge, mas a calcular o coeficiente de atrito de qualquer combinação de materiais. O modelo também permite selecionar os materiais que comporão uma superfície de contato entre dois corpos, baseado na força de atrito desejável entre os dois.
E qual a importância desta teoria? Uma teoria consistente para explicar o atrito vai permitir a escolha de materiais para fazer peças móveis que precisam de menos lubrificação ou que conseguem “agarrar” melhor outras peças. Pistões nos motores, eixos e mancais, peças móveis de relógios de precisão, pinças, juntas e dobradiças em geral – pense em qualquer peça que se movimente enquanto em contato com outra peça, a quantidade delas é imensa. E ainda não começamos a falar em terremotos.
A teoria foi publicada no periódico AIP Advances of the American Institute of Physics, e a pesquisa foi financiada pela Academia da Finlândia e a Fundação Jenny and Antti Wihuri.[ScienceDaily]
Fonte: hypescience

I Liga Costinha diz que defrontar FC Porto é "jogo apetecível"

O treinador Costinha disse hoje que o Paços de Ferreira terá de ser inteligente a gerir o maior controlo do tricampeão FC Porto, num "jogo apetecível" da terceira jornada da I Liga de futebol, em Felgueiras, no domingo.
Costinha diz que defrontar FC Porto é
O técnico pacense colocou de lado os laços afetivos e considerou tratar-se apenas de "mais um jogo", frente a "uma grande equipa, recheada de grandes jogadores e com um treinador muito competente", acreditando num "belíssimo espetáculo".
"Tirando os 30 minutos finais do jogo com o Braga, que foram horríveis, o Paços teve sempre boas prestações, não conseguindo concretizar, e tem sofrido alguns golos que não pode sofrer, mas não vamos entrar de forma subjugada. Temos de ser inteligentes a gerir o controlo do Porto e estou certo de os jogadores vão dar uma boa resposta", disse Costinha na conferência de antevisão ao encontro de domingo.
Costinha falou ainda de "um jogo apetecível, que pode dar a confiança necessária para dar a volta" aos resultados negativos da equipa, e confirmou "empenho total" dos seus jogadores para conquistarem os primeiros pontos frente a uma equipa a quem não poupou elogios.
"É um FC Porto dominador, que se instala no meio-campo adversário, que não desiste de nenhuma bola e quando tem uma oportunidade não costuma falhar. Tem uma linha defensiva com dois anos de consistência e é uma equipa que vale pelo seu todo", sublinhou, destacando em particular Licá.
Com o mercado de transferências a fechar, Costinha evitou falar em mexidas no plantel pacense, confirmando apenas que "o Vítor está convocado e, neste momento, é uma mais-valia" para o Paços e relativizou a questão do desgaste físico provocado pelo "play-off" da Liga dos Campeões (derrotas frente ao Zenit por 1-4 e 4-2).
A este propósito, o técnico pacense foi claro: "Quem quer andar nas provas europeias tem de se habituar a isto, às viagens e a jogos intensos. O cansaço, às vezes, é psicológico e, quem não estiver satisfeito com isso, terá de mudar de profissão".
Costinha reconheceu, no entanto, que "é sempre complicado perder" e que "as derrotas não dão a confiança necessária a uma equipa", mas mostrou-se tranquilo com a aplicação dos seus jogadores, dizendo não ver "nenhum jogador cortar-se ou deitar a cara ao chão" e que é "com afinco" que "a equipa trabalha para dar a volta" por cima.
O Paços de Ferreira, ainda sem pontuar ao fim de duas jornadas, defronta o FC Porto, só com vitórias, no Estádio Dr. Machado de Matos, em Felgueiras, pelas 17:45 de domingo, num encontro com arbitragem de Rui Costa, do Porto.
Fonte: NM

Comunicado Fundadoras do grupo Femen fogem da Ucrânia

Três fundadoras do grupo feminista Femen, conhecido pelas manifestações em 'top less', anunciaram hoje que deixaram a Ucrânia por recearem ser perseguidas, depois de as autoridades ucranianas terem dito que encontraram armas na sede do movimento em Kiev.
Fundadoras do grupo Femen fogem da Ucrânia

Alexandra Chevtchenko, Anna Goutsol e Iana Jdanova "fugiram da Ucrânia por recearem pela sua vida e liberdade", indicou o grupo num comunicado publicado no seu 'site' oficial.
As três ativistas "vão continuar as suas atividades na Europa", precisa o comunicado.
As fundadoras do Femen tomaram a decisão depois de terem sido convocadas pela polícia para um interrogatório, de acordo com a mesma fonte.
O grupo feminista afirmou que as três mulheres podiam ser acusadas de posse ilegal de armas - que pode ser punida com uma pena até cinco anos de prisão - depois de a polícia ter dito na passada terça-feira que encontrou "objetos parecidos com uma granada e uma pistola" na sede da organização em Kiev.
No dia seguinte, as Femen denunciaram "uma provocação", disseram que as forças da ordem colocaram os objetos no local e anunciaram o encerramento do mesmo.
A polícia de Kiev indicou hoje que as ativistas eram apenas "testemunhas" neste caso.
A organização feminista Femen, fundada na Ucrânia e atualmente baseada em Paris, realiza há vários anos ações de protesto em que as ativistas mostram os seios para denunciar a discriminação das mulheres e o autoritarismo.
Fonte: NM

Chumbo PSD acusa Constitucional de "interpretação conservadora"

O porta-voz do PSD, Marco António Costa, acusou hoje os juízes do Tribunal Constitucional (TC) de terem uma "interpretação conservadora" do texto fundamental, que conduz ao "imobilismo" e o PS de "ignorar os sinais positivos da economia e emprego".
PSD acusa Constitucional de interpretação conservadora

"A interpretação que é feita de alguns princípios constitucionais leva, na nossa ótica, a um imobilismo absoluto e a uma incapacidade reformista do Estado. Nós não temos absolutamente nenhum problema com o conteúdo, as normas e a letra da Lei da Constituição, mas sim com a interpretação conservadora e que leva a um imobilismo absoluto", afirmou o dirigente social-democrata, numa declaração, em Lisboa.
O TC "chumbou" na quinta-feira o regime jurídico "requalificação de trabalhadores em funções públicas", cuja "fiscalização abstrata preventiva" fora pedida pelo Presidente da República, depois de aprovado na Assembleia da República pela maioria PSD/CDS-PP.
"Aquilo que sempre garantiremos aos portugueses é uma determinação na governação, nunca desistiremos das nossas obrigações e aquilo de que gostaríamos era que o PS tivesse o mesmo comportamento. Que assumisse uma postura construtiva, que respondesse aos nossos apelos de consenso e que não ignorasse os sinais positivos que a economia e emprego têm revelado nos últimos tempos e, acima de tudo, que fosse capaz de demonstrar uma atitude menos radicalizadora", disse.
O secretário-geral do PS, António José Seguro, criticara o Governo liderado por Passos Coelho e Paulo Portas de não gostar da Constituição e avisou o primeiro-ministro que "atacar, ameaçar ou querer fazer do TC bode expiatório dos fracassos" governativos é "absolutamente inaceitável".
"Hoje foi uma oportunidade perdida por parte do PS para se apresentar ao país como uma oposição realista e construtiva. Mais uma vez recusa qualquer tipo de consenso, não dá qualquer resposta positiva aos nossos apelos", lamentou Marco António Costa, reiterando as acusações ao partido "rosa" de "fobia ao consenso".
O dirigente "laranja" afirmou ainda que os socialistas estão a "regressar ao discurso de José Sócrates", acrescentando que, durante os Governos do anterior primeiro-ministro "o país não enriqueceu", mas "endividou-se e hoje não se está a empobrecer, só se está a pagar as dívidas contraídas nos Governos do PS".
Fonte: NM

Documentos de Snowden revelam que Washington lançou 231 cibertaques em 2011

Washington,  - Os serviços secretos norte-americanos lançaram 231 ciberataques em 2011 visando alvos como Irão, Rússia, China ou Coreia do Norte, refere hoje o jornal The Washington Post com base em documentos fornecidos pelo ex-analista informático Edward Snowden.
Documentos de Snowden revelam que Washington lançou 231 cibertaques em 2011

Os documentos fornecidos por Snowden e entrevistas com ex-funcionários norte-americanos apontam para uma campanha de ciberataques "muito mais ampla e agressiva" do que se pensava, de acordo com o jornal.
The Washignton Post aponta um projeto designado "Genie", dotado de um orçamento de 652 milhões de dólares, que permite infiltrações em redes estrangeiras para as colocar sob controlo dos Estados Unidos.
Em finais deste ano, o Genie deverá controlar pelo menos 85 mil programas em computadores escolhidos estrategicamente em todo o mundo, um número quatro vezes superior ao de 2008, quando eram pouco mais de 21 mil.
Entre os 231 ciberataques lançados em 2011, a maioria visava alvos "da maior importância" que antigos responsáveis disseram incluir "adversários como Irão, Rússia, China ou Coreia do Norte e atividades como a proliferação nuclear", acrescenta o jornal citando os documentos.
O vírus informático Stuxnet, que atacou em 2010 o programa nuclear iraniano, foi atribuído por Teerão a um ataque israelo-americano.
Edward Snowden, ex-analista informático da Agência Nacional de Segurança dos Estados Unidos que revelou a existência de um programa de vigilância em massa de comunicações, obteve asilo temporário na Rússia a 01 de agosto, depois de ter passado mais de um mês na zona de trânsito do aeroporto moscovita de Sheremetievo.
Fonte: NM

Instabilidade legislativa é um grave problema para a floresta portuguesa - debate

Penela,  - A instabilidade legislativa é um dos fatores que mais tem contribuído para a degradação e abandono da floresta portuguesa, sublinharam hoje alguns dos participantes num seminário sobre gestão florestal, no Espinhal, concelho de Penela.
Instabilidade legislativa é um grave problema para a floresta portuguesa - debate

A floresta portuguesa é particularmente penalizada pela "instabilidade e inércia política e legislativa", circunstância que constitui "um dos problemas mais graves" para a sua gestão e rentabilidade, sustentou Susana Carneiro, diretora técnica do Centro Pinus, sublinhando que, simultaneamente, têm aumentado "as exigências, a burocracia e os custos".
O papel do Estado é "fundamental para garantir o equilíbrio e a sustentabilidade da ocupação do território e das funções sociais, económicas e ambientais" da floresta, defendeu Susana Carneiro, alertando para os perigos da monocultura.
Nos últimos 30 anos, Portugal perdeu 43% da área de pinhal, em favor do eucaliptal e sobretudo do mato, frisou a diretora do Centro Pinus, frisando que "é importante inverter esta tendência".
Em Portugal, "não temos um quadro legislativo estável", afirmou Jorge Humberto Cancela, do Departamento de Conservação da Natureza e Florestas do Centro (ICNF), que também interveio no seminário "A gestão florestal e o ordenamento do território", que decorreu hoje na vila do Espinhal, por iniciativa da Câmara Municipal de Penela.
"Não é possível gerir a floresta com uma perturbação constante", advertiu aquele técnico, salientando que a instabilidade legislativa tem sido um problema "transversal a todos os governos".
Outras circunstâncias como o facto de 87% da floresta portuguesa ser propriedade privada e apenas 3% do Estado (os restantes 10% são baldios) também dificulta a gestão florestal, referiu Jorge Humberto Cancela, salientando que o Estado português, "enquanto gestor" da área florestada tem "um papel ínfimo, muito aquém do necessário" -- em França cerca de 20% da floresta é estatal, exemplificou.
Além disso, "cerca de 80% da propriedade florestal", em Portugal, tem "menos de três hectares", acrescentou o técnico do ICNF, alertando que há "uma relação direta entre os incêndios florestais e a dimensão da propriedade" (há mais incêndios nas áreas de pequena propriedade).
"Não é possível saber a quem pertence dez a 15% da floresta portuguesa", alertou Armando Carvalho, técnico da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC).
Para o fenómeno contribuem diversas razões, designada e fundamentalmente o facto de "não se estar a colocar valor na floresta", isto é, de ela estar a sub-rentabilizada e a "perder valor", disse Armando Carvalho.
No seminário também intervieram o vice-presidente da Comunidade Intermunicipal do Pinhal Interior Norte, Ricardo Pereira Alves, o presidente da Junta de Freguesia do Espinhal, Jorge Antunes Pereira e o presidente e o diretor executivo da FLOPEN (Associação de Produtores e Proprietários Florestais do Concelho de Penela), Luís Henrique Dias e João Ribeiro, respetivamente.
O presidente e o vice-presidente da Câmara de Penela, António Alves e Luís Matias, respetivamente, o presidente da CCDRC, Pedro Saraiva, o dirigente da Quercus (Associação Nacional de Conservação da Natureza) Domingos Patacho e o professor da Escola Superior Agrária de Coimbra Pedro Bingre também participaram no seminário, integrado na XXIV Feira de Mel do Espinhal, que decorre no domingo.
Fonte: NM

Vuelta: Konig ganha no Alto de Peñas Blancas, Roche é o novo líder

Alto de Peñas Blancas, Espanha, 31 ago - O ciclista checo Leopold Konig (Netapp) conquistou hoje a oitava etapa da Volta a Espanha, com o irlandês Nicolas Roche (Saxo-Tinkoff) a roubar a liderança ao italiano Vincenzo Nibali (Astana).
Vuelta: Konig ganha no Alto de Peñas Blancas, Roche é o novo líder
No final dos 166,6 quilómetros, que ligaram Jerez de la Frontera ao Alto de Peñas Blancas (contagem de primeira categoria), Konig foi o mais forte, cortando a meta em 4:09.46 horas, seguido do espanhol Daniel Moreno (Katusha), a um segundo, e Roche, a cinco.
Na geral, Roche tem agora 17 segundos de avanço sobre o norte-americano Christopher Horner (Radioshack) e sobre Moreno e 18 sobre Nibali, anterior líder.
No domingo, disputa-se a nona etapa, que liga Antequera a Valdepeñas de Jaénm (163,7 quilómetros).
Fonte: NM

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

IMC não é uma boa medida para um peso saudável, afirmam pesquisadores

bmi-body-weight
Quando se trata de definir qual é o peso corporal considerado saudável, apenas um tipo de medida não é o suficiente, além de não ser o mais indicado para todas as pessoas, dizem os cientistas dizem.
O Índice de Massa Corporal (IMC) é baseado apenas no peso e na altura, e não leva em consideração taxas relevantes, como a gordura corporal, por exemplo. Criado no final do século 18 pelo matemático, astrônomo, estatístico e… ufa, sociólogo belga Adolphe Quételet, o IMC é o dado padrão para determinar se a pessoa possui o peso normal, sobrepeso ou é obesa. No entanto, como observam os cientistas que assinam o editorial desta semana da revista Science, o índice não é uma medida exata de gordura e não explica as causas do peso acima do ideal.
A obesidade pode ser um grande risco para a saúde da população, uma vez que aumenta as chances do desenvolvimento de diabetes, doenças cardíacas e pode causar a morte, em casos mais graves. Paradoxalmente, porém, alguns estudos sugerem que o excesso de peso pode melhorar a sobrevivência de pessoas com doenças crônicas.
A maioria dos estudos depende do IMC, mas nós sabemos que essa não é uma medida muito precisa”, admite Rexford Ahima, professor de medicina na Universidade da Pensilvânia, na Filadélfia, EUA, e um dos autores do editorial.
O IMC de uma pessoa é calculado levando em consideração o peso em quilogramas dividido pela sua altura, ao quadrado, em metros. O IMC de 18,5 a 24,9 é considerado “normal”, entre 25 e 29,9, trata-se de “sobrepeso”, e a pessoa com índice superior a 30 é considerada “obesa”.
Muitos estudos mostram que quem possui IMC acima de 30 têm risco aumentado de morte por doença cardíaca, diabetes, câncer e outras patologias. Contudo, vários estudos recentes sugerem que, em alguns casos específicos, o IMC elevado pode na verdade prevenir que o indivíduo morra de insuficiência cardíaca ou renal e de outras doenças crônicas. Por que isso acontece?
A ciência explica. Quando alguém possui uma doença crônica, a gordura extra pode fornecer reservas de energia adicionais necessárias ao organismo sempre batalhando contra a enfermidade. Em outros casos, a pessoa tem um baixo IMC justamente como resultado de uma doença.
Os cientistas têm noção da dificuldade que é colocar em números e tentar generalizar esses casos. Ahima afirma que os riscos para a saúde e os benefícios da obesidade têm causado uma certa discordância entre os diferentes grupos de pesquisadores. “O problema decorre do fato de que o IMC é uma medida imprecisa de saúde”, diz Ahima.
Por um lado, o IMC não leva em conta a gordura e não indica onde ela está distribuída pelo corpo. Estudos sugerem que a gordura na barriga (em torno dos órgãos abdominais) aumenta o risco de diabetes, doenças cardíaca e morte, enquanto a gordura periférica (aquela que fica sob a pele, no resto do corpo) pode ser mais inofensiva. O IMC também não consegue explicar as diferenças de etnia, sexo e idade.
Então, por que é a medida tão amplamente utilizada? “Porque é simples”, responde Ahima, e acrescenta que é fácil para pessoas se pesarem e medir sua altura. Para a maioria da população, o IMC fornece uma “medida razoável” de gordura corporal, mas não é preciso para atletas (que possuem mais massa devido aos músculos) ou pessoas idosas, que perderam altura, completa.
Outros métodos de medição de gordura corporal também têm os seus prós e contras. Exames de tomografia computadorizada podem medir com precisão a gordura corporal, mas são geralmente muito caros. O exame DEXA (“Dual-Energy X-Ray Absorptiometry”), normalmente utilizado para medir a densidade óssea, também pode servir para mensurar a gordura corporal, mas sua popularização também esbarra no alto custo. Até a medição dos níveis do hormônio leptina pode ser um indicador de gordura corporal.
Em outras palavras, não há um único número que pode representar um peso saudável, ressalta Ahima. “Depende do peso inicial, da genética e do gênero, entre outros fatores. A obesidade é uma doença complexa – e não se trata apenas de ter muita gordura”, afirma. “É importante também considerar a gordura em relação à quantidade de músculo”.
Ahima ainda considera que os cientistas precisam começar a olhar mais de perto o processo de causa e efeito da gordura do corpo e da obesidade. “Qual é o motivo que faz uma pessoa obesa ser saudável ou não? Precisamos ainda entender os mecanismos moleculares”, finaliza. [Live Science]
Fonte: hypescience

10 incríveis histórias de irmãos gêmeos

Irmãos gêmeos sempre chamam a atenção. Quando são idênticos e estão de roupas iguais, todos os notam e os adoram. Alguns também trazem histórias bastante interessantes, seja por questões genéticas ou razões mais estranhas. Confira:

10. Quádruplos ou duas duplas de gêmeos

10
Tessa Montavio estava com 10 semanas de gravidez quando descobriu que estava esperando gêmeos. Um pouco mais tarde, os médicos disseram que ela estava esperando trigêmeos. Eventualmente, eles acertaram quando foi revelado seriam quatro meninos. Mas não quadrigêmeos. Tessa estava grávida de dois conjuntos de gêmeos, um caso raro, com probabilidade de 70 milhões para um. Eles decidiram dar os nomes de Ace, Blaine, Cash e Dylan, seguindo a ordem alfabética. E o casal ainda pretende continuar tentando para ter uma menina.

9. Trocando de lugar

9
Em 1994, a polícia prendeu Ronald depois que ele tentou estrangular sua mulher. O que os confundiu foi o fato de que Ronald já estava na prisão por um caso de maus-tratos. Acontece que seu irmão gêmeo Donald não achava que seu irmão seria capaz de lidar com a prisão e tinha tomado o seu lugar, pela quarta vez. Quando perguntado porque ele faria uma coisa dessas, ele disse que foi simplesmente por amor e preocupação por seu irmão. Donald também havia tomado o lugar de Ronald no exército nos anos 70, e chegou a ir até à Coréia em seu lugar.

8. Gêmeos pela metade

8
Depois de dar à luz a gêmeos, em 2008, Mia Washington notou que eles pareciam muito diferentes um do outro. Ela decidiu fazer um teste de paternidade, que revelou que os gêmeos tinham pais diferentes. Mia tinha traído o marido e engravidou de dois homens em um intervalo de 48 horas. Isto significa que os dois meninos são gêmeos, mas também meio-irmãos. Mia ainda está com o marido, que decidiu tratar as duas crianças como suas. Outro casal, Wilma e Willem Stuart, descobriu que seus gêmeos concebidos através de fertilização in vitro também tinham pais diferentes. Alguns dos espermatozoides de Willem foram acidentalmente contaminados pelo esperma de outro homem no laboratório, e Wilma acabou engravidando dos dois. O homem foi localizado e disse que estava feliz, e permitiu que o seu filho fosse criado pelo Stuarts.

7. As irmãs Hwang

7
Elas não são tecnicamente gêmeas, mas merecem fazer parte dessa lista. As irmãs Hwang, Suel, Seol, Sol, Mil são quadrigêmeas que nasceram em um hospital sul-coreano em 1989. O fato de serem quádruplas não é nada de muito surpreendente. O que traz essas quatro irmãs para a lista é que todas trabalham no mesmo lugar, um dos principais hospitais do Nordeste da Ásia, o mesmo em que nasceram. Em maio deste ano, Seul, Sol, Mil realizaram um casamento coletivo, com Seol ficando de fora por já ter se casado há um ano.

6. O casal robô

6
Este foi o apelido dado pela população local de Yiwu, China, a um casal que passava 21 horas por dia em um restaurante, das 06h às 03h, trabalhando sem parar. Ou assim parecia. Como você já deve ter adivinhado, não há, de fato, apenas um casal. São dois homens, gêmeos idênticos, casados com duas mulheres, também gêmeas idênticas.
Eles trabalham em turnos diferentes para manter o restaurante aberto o maior tempo possível, levando a maioria dos clientes a acreditar que havia um supercasal que nunca dormia. A verdade só veio à tona depois de cerca de três anos, quando um dos gêmeos deu uma entrevista e falou sobre o assunto.

5. Gêmeas à distância

5
Lily e Gillian são gêmeas que nasceram na China e foram separadas após serem colocado para adoção. Felizmente, os casais adotivos eram membros de um mesmo grupo de mensagem, e quando foram informados de que seus documentos tinham sido aprovados, todos postaram fotos online das crianças que estavam indo para suas casas. Muito em breve, eles perceberam que as meninas eram muito semelhantes e perguntaram a agência se não eram irmãs. A agência assegurou-lhes que este não era o caso, mas os novos pais decidiram realizar testes de DNA, que concluíram que as meninas eram definitivamente gêmeas. Felizmente, as duas famílias adotivas eram do Canadá, apesar de morarem a 400 quilômetros de distância. As famílias regularmente mantêm contato, e as meninas visitam uma a outra e conversam online todas as noites. Ao longo dos anos, os pais notaram semelhanças surpreendentes entre elas: ambas deram seus primeiros passos no mesmo dia, tiveram catapora ao mesmo tempo e se vestiram de bailarinas para Halloween.

4. Gêmeos reunidos

4
Com quase 1,5 bilhão de pessoas, a China é o país mais populoso do mundo, o que torna esta história ainda mais incrível. Zeng Yong e Liu Yonggang foram colocados para adoção e separados em 1972. Zeng foi morar com uma família em Chengdu, enquanto Liu foi para Neijiang. Mais de 40 anos depois, um amigo de Zeng estava em Neijiang, onde avistou Liu entre os outros quatro milhões de pessoas que vivem lá. Ele achou a semelhança tão estranha que insistiu em promover um encontro entre os dois. Zeng voou 200 quilômetros de Neijiang para encontrar o homem, e ambos imediatamente perceberam que eram gêmeos. Depois do encontro, eles ainda conseguirem pesquisar e descobrir sua mãe biológica.

3. Aniversários diferentes

3
Um dos pressupostos mais básicos sobre gêmeos é que eles têm o mesmo dia de aniversário. É claro que qualquer quantidade de pensamento sobre o tema vai fazer você perceber que eles podem nascer em dias separados. Seja porque eles nasceram por volta da meia-noite, ou um resolveu chegar um pouco mais cedo do que o outro – ambos podem acontecer. Mas, no ano passado, Maria Jones-Elliot de Waterford, Irlanda, deu a luz a duas meninas gêmeas com a maior diferença de aniversário de todos os tempos: 87 dias. A primeira menina, Amy, nasceu em 1 de junho, apenas cinco meses depois da gravidez. Ela tinha pouca chance de sobrevivência e foi colocada em uma incubadora, enquanto sua irmã permaneceu no ventre de sua mãe. Mas Katie também resolveu nascer um pouco mais cedo, na 36ª semana, em 27 de agosto. Ambas estão atualmente vivas e bem.

2. Eutanásia gêmea

2
Gêmeos na Bélgica ganharam o direito à eutanásia perto do final do ano passado. Ambos nasceram surdos e tinham sido inseparáveis durante a maior parte de suas vidas. Eles trabalharam como sapateiros e viveram juntos. Os homens tomaram a decisão de serem sacrificados depois de descobrirem que estavam ficando cegos. Já surdos, nenhum deles podia suportar viver sem ver o outro. Eles faleceram em 14 de dezembro de 2012. Este caso causou muita polêmica no mundo todo, já que o suicídio assistido na Bélgica é normalmente disponível apenas para pacientes terminais.

1. Fetus in fetu


Sanju Bhagat era apenas um garoto normal, crescido em Nagpur, na Índia. Como qualquer pessoa, tinha inseguranças; especificamente, ele era um pouco redondo. Mas, em 1999, ele foi levado para o hospital. Os médicos temiam que ele tivesse um tumor enorme que estava fazendo pressão sobre seu diafragma, o que tornava difícil para ele respirar. Durante a operação, o cirurgião colocou a mão no abdômen de Sanju, e sentiu outra mão minúscula dentro: o gêmeo morto de Sanju. Esta é uma condição conhecida como fetus in fetu, e ocorre quando, no útero, um dos gêmeos é absorvido dentro do outro e pode sobreviver dentro de seu irmão como uma espécie de parasita. Normalmente, ambos os gêmeos morrem, mas o gêmeo maior, algumas vezes, pode sobreviver. Em casos raros, o gêmeo “interior” pode realmente sobreviver por um tempo depois que o gêmeo “exterior” nasce. No caso de Sanju, a dupla tinha sobrevivido, anexando-se diretamente a sua corrente sanguínea e, embora não fosse um ser humano consciente e funcional, continuou a crescer até que começou a prejudicar a saúde de Sanju. 
[ListVerse]
Fonte: hypescience

O remédio para emagrecer que pode acabar com as cirurgias de estômago

fat_2260264b
Cientistas estão desenvolvendo um tratamento médico que possui o mesmo efeito da cirurgia de estômago para ajudar pacientes obesos a perder peso. Os pesquisadores criaram hormônios de efeito duradouro, que fazem com que os cérebros dos pacientes pensem que eles já comeram o suficiente. A abordagem imita o que acontece quando pacientes obesos mórbidos são submetidos a operações bariátricas para ajudá-los a se livrar da gordura extra.
Os cientistas da Faculdade Imperial de Londres, no Reino Unido, acabam de terminar os primeiros testes em pacientes com resultados positivos, e agora estão se preparando para iniciar experimentos maiores. Eles esperam que o uso da droga se torne uma alternativa mais segura para a cirurgia, que é cara e possui diversas restrições, só podendo ser realizada em uma pequena quantidade de pacientes
Segundo o professor Steve Bloom, chefe da divisão de diabetes, endocrinologia e metabolismo da faculdade e pesquisador do estudo, a cirurgia de balão intragástrico (em que uma espécie de bexiga é colocada no estômago para “roubar” espaço da comida e fazer a pessoa perder a fome) funciona muito bem em pacientes. “Porém, há uma pandemia mundial de obesidade, que está levando as pessoas a morrer de doenças relacionadas. Nós não podemos realizar a cirurgia em metade da Europa, por exemplo”, diz.
Por isso, conta o professor, a equipe se perguntou se não haveria outra forma de utilizar o princípio da cirurgia, mas sem a necessidade da operação em si. “Se você tem um problema com intestino e não aguenta muita comida, o órgão envia sinais para o cérebro dizendo para que a pessoa não coma tanto. A cirurgia engana o estômago, que pensa haver um problema e envia essas mensagens de saciedade para o cérebro”, explica Bloom.
De acordo com dados de 2012, 48,5% da população brasileira está acima do peso e 15,8% dos brasileiros são obesos. Nos países desenvolvidos, esse percentual é ainda maior: nos Estados Unidos, por exemplo, a porcentagem de obesos já chega a alarmantes 35,8% da população, o que ocasiona diversos outros problemas de saúde, tais como doenças cardíacas, diabetes e aumento do risco de câncer.
No Brasil, o que assusta os especialistas é o grande crescimento do número de pessoas que recorrem à mesa de cirurgia para perder peso. Segundo dados do Ministério da Saúde, o país é o segundo em número de cirurgias de redução de estômago no mundo todo, só perdendo para os EUA. São 72 mil cirurgias por ano, de acordo com o presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCBM), o médico Almino Ramos. E esse número tem crescido 10% ao ano. De 2006 para cá, o crescimento foi de 275%.
Muitos pacientes que se submetem à operação sofrem complicações e precisam de uma nova cirurgia e também já houve um pequeno número de mortes registradas após essas intervenções.
Inicialmente, pensava-se que a cirurgia bariátrica funcionava ao reduzir a quantidade de alimento que pode ser digerida pelo estômago. No entanto, foi descoberto, em pacientes operados, níveis elevados de hormônios da saciedade, os sinais químicos liberados pelo organismo para controlar a digestão e a sensação de fome no cérebro.
Os pacientes que se submeteram a cirurgia também apresentam menos vontade de consumir alimentos gordurosos, por isso acredita-se que os hormônios mudam o desejo dos pacientes para comer.
O objetivo de Steve Bloom e sua equipe é descobrir quanto peso é possível ser perdido usando três desses hormônios. Em seus experimentos, pacientes obesos usarão uma bomba intravenosa, mantida em torno de sua cintura, para liberar doses pequenas e regulares dos hormônios GLP-1, OXM e PYY no organismo. Esses hormônios normalmente duram apenas alguns minutos no corpo humano, por isso é preciso que sejam liberados continuamente.
No entanto, o professor Bloom e seus colegas também desenvolveram versões desses hormônios que podem durar até uma semana. Isso significa que os pacientes poderiam controlar seu apetite com uma única injeção semanal. “O objetivo, a longo prazo, é desenvolver medicamentos de longa duração, de maneira que as pessoas possam tomar uma injeção uma vez por semana, sem a necessidade de operação”, conta.
“Cada paciente reage de uma maneira diferente após a cirurgia. Talvez um terço dos pacientes não perca peso o suficiente, talvez alguns percam demais e não se pode ajustar esse efeito. No caso de um medicamento, você pode alterar a dose muito facilmente e isso vai lhe dar muito mais controle sobre quanto peso cada pessoa perde”, completa. [Telegraph]
Fonte: hypescience

Fogos Portugal acciona Mecanismo Europeu de Protecção Civil

Portugal accionou o Mecanismo Europeu de Proteção Civil, com pedido de dois aviões Canadair para combate aos incêndios florestais em curso no país, disse hoje à agência Lusa fonte da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC).
Portugal acciona Mecanismo Europeu de Protecção Civil
O pedido "específico de dois aviões Canadair" foi realizado "face à dimensão de situação dos incêndios florestais que afeta o país, agravada pelas condições meteorológicas, de temperaturas elevadas e ventos fortes".
"A ANPC está ainda a aguardar resposta por parte do Mecanismo Europeu de Proteção Civil", refere a mesma fonte da ANPC.
No âmbito de acordos bilaterais em assistência mútua, seis aviões Canadair estão a operar em Portugal, no combate ao incêndio florestal que lavra no Caramulo desde quarta-feira.
Três das aeronaves são espanholas e está previsto que atuem apenas hoje em Portugal.
O avião pesado que começou hoje a combater o fogo do Caramulo é proveniente de França e juntou-se a outros dois que já se encontram em Portugal, com permanência assegurada até à próxima terça-feira.
Fonte: NM

Intervenção Reino Unido mantém empenho em "resposta forte"

O primeiro-ministro britânico assegurou hoje que apesar de o parlamento ter chumbado a participação do Reino Unido numa possível intervenção militar na Síria, Londres vai continuar empenhado para que haja uma "resposta forte" ao uso de armas químicas.
Reino Unido mantém empenho em resposta forte
"É importante que tenhamos uma resposta forte ao uso de armas químicas e há uma série de coisas que vamos continuar a fazer", afirmou David Cameron, um dia após o parlamento britânico ter chumbado a possibilidade de Londres participar numa ação militar na Síria.
O primeiro-ministro britânico adiantou que Londres vai continuar a "levar o assunto às Nações Unidas" e a "trabalhar junto das organizações a que pertence - União Europeia, NATO, G8 e G20 - para condenar o que aconteceu na Síria" e garantir "a manutenção da proibição do uso de armas químicas".
A rejeição do Parlamento obrigou o Reino Unido a deixar cair os seus planos e foi já considerada uma pesada derrota para David Cameron e o seu governo conservador, quem tem sido um dos principais defensores de uma ação militar contra o regime de Bashar al-Assad.
Nunca o Parlamento britânico, em mais de 150 anos, tinha bloqueado a proposta de um governo para uma ação militar, lembra o diário inglês Daily Telegraph.
David Cameron garantiu que reconhece o resultado da votação, vincando que esta reflete que o "parlamento e os britânicos não querem uma intervenção militar" e o "ceticismo do povo britânico sobre qualquer envolvimento no Médio Oriente".
O chefe de governo britânico disse não precisar de "pedir desculpas" ao presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, - que agora tem a França como único parceiro europeu nesta questão - , quando questionado sobre se a decisão do Parlamento pode por em causa o relacionamento especial entre Washington e Londres.
David Cameron afirmou que gostaria de ter podido cooperar com o "aliado mais importante e mais forte" de Londres, ainda mais quando foi Washington quem pediu "assistência ao Reino Unido".
"Obviamente, a política é difícil (…) Acho que o povo norte-americano e o presidente Barack Obama vão entender", acrescentou o governante, rejeitando ainda a ideia de uma perda de influência no Reino Unido nos palcos internacionais.
Fonte: NM

CCDR Concentração de ozono ultrapassada na Lourinhã

A concentração de ozono ultrapassou hoje, na Lourinhã, o limiar de informação ao público, podendo provocar alguns efeitos na saúde humana, sobretudo em grupos da população mais sensíveis, informou a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR).
Concentração de ozono ultrapassada na Lourinhã

Segundo informação atualizada pela CCDR de Lisboa e Vale do Tejo, o nível de concentração de ozono foi também superado em Alverca.
Uma nota hoje divulgada pela mesma entidade informa que o valor de concentração do poluente atingiu, na estação de medição da qualidade do ar da Lourinhã, os 193 microgramas por metro cúbico, entre as 15:00 e as 16:00, e os 185 microgramas por metro cúbico, entre as 16:00 e as 17:00.
O valor de concentração de ozono definido como limiar de informação ao público é de 180 microgramas por metro cúbico.
Na estação de medição da qualidade do ar de Alverca, o nível de concentração de ozono atingiu os 186 microgramas por metro cúbico, entre as 16:00 e as 17:00, adianta a CCDR de Lisboa e Vale do Tejo em comunicado.
A CCDR prevê, para sábado e domingo à tarde, concentrações elevadas na região de Lisboa e Vale do Tejo, que poderão ser superiores ao definido como limiar de informação ao público para o poluente.
Para valores de concentração elevados, como os observados hoje nas estações da Lourinhã e de Alverca, o ozono pode provocar alguns efeitos na saúde humana, especialmente em grupos da população mais vulneráveis, como crianças, idosos, asmáticos e pessoas com outras doenças respiratórias ou cardíacas.
A CCDR de Lisboa e Vale do Tejo alerta que a exposição ao poluente afeta, sobretudo, as mucosas oculares e respiratórias, podendo causar tosse, dores de cabeça e no peito, falta de ar e irritações nos olhos.
A entidade recomenda que os grupos mais sensíveis reduzam ao mínimo a atividade física intensa ao ar livre e evitem estar, durante a tarde, no exterior.
Fonte: NM

John Kerry Acção norte-americana será cirúrgica e sem tropas no terreno

O secretário de Estado norte-americano, John Kerry, disse hoje que uma possível ação militar contra a Síria, acusada de utilizar armas químicas contra civis, terá alvos precisos e não contará com tropas no terreno.
Acção norte-americana será cirúrgica e sem tropas no terreno
Para esta eventual operação militar, o chefe da diplomacia norte-americana disse contar com o apoio de aliados como a França, a Liga Árabe e a Austrália e que essa ação militar, a acontecer, seria "ajustada" e não "infinita no tempo".
Numa declaração na Casa Branca, John Kerry disse que é "altamente improvável" que os rebeldes tenham perpetrado o ataque de 21 de agosto, nos arredores de Damasco, e garantiu que os Estados Unidos não tencionam "repetir a experiência do Iraque", referindo-se ao início da invasão daquele país, com base em informações que vieram a revelar-se falsas.
"Os nossos serviços de informações passaram em revista e analisaram cuidadosamente os dados sobre este ataque", vincou Kerry, garantindo que tal foi feito "com maior rigor do que no Iraque", uma experiencia que os EUA "não querem repetir".
Kerry adiantou que o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, "deixou bem claro que, qualquer que seja a decisão que tomar sobre a Síria, esta em nada terá a ver com o Afeganistão, Iraque ou mesmo com a Líbia".
De acordo com John Kerry, o alegado ataque químico perpetrado a 21 de agosto contra a população civil Síria fez 1.429 mortos, incluindo 426 crianças.
O responsável norte-americano referiu que a possível operação militar também será uma mensagem enviada ao Irão e ao movimento xiita libanês Hezbollah, apoiantes do regime de Damasco.
Os Estados Unidos "acreditam nas Nações Unidas" e "respeitam os inspetores" da organização que desde segunda-feira recolhem dados no terreno, mas esses peritos "não vão conseguir dizer nada que já se saiba", afirmou John Kerry.
O chefe da diplomacia de Washington lembrou que o trabalho dos peritos da ONU não vai provar quem foram os responsáveis pelo ataque de 21 de agosto. "Como já o disse [o secretário-geral] Ban Ki-moon, a ONU, com esse mandato, não vai conseguir confirmar quem são os autores do ataque, apenas se este aconteceu".
De acordo com um relatório dos serviços de informações dos Estados Unidos divulgado pela Casa Branca, com base em "várias fontes", o regime de Bashar al-Assad usou gases neurotóxicos contra a população civil síria.
Fonte: NM

Ministério da Saúde Um morto e dezenas de feridos em protestos no Egipto

Pelo menos uma pessoa morreu e dezenas ficaram feridas durante os protestos islamitas hoje realizados em várias cidades do Egipto, informou o Ministério da Saúde egípcio.
Um morto e dezenas de feridos em protestos no Egipto

Um porta-voz do ministério indicou, em declarações à agência espanhola EFE, que a vítima mortal, um homem, morreu em Port Said, ao ser atingido por um tiro.
A agência noticiosa egípcia estatal Mena informou que cerca de 18 pessoas ficaram feridas, três em estado grave, durante os protestos realizados em Port Said, que degeneraram em confrontos.
A par destas vítimas, dois agentes morreram hoje de manhã durante um ataque perpetrado por desconhecidos contra uma esquadra da polícia localizada num bairro da zona leste do Cairo.
Também ocorreram confrontos em outras cidades egípcias, como no Cairo e em Alexandria, onde a polícia antimotim e unidades do exército intervieram para dispersar os envolvidos nos confrontos.
Na capital egípcia, os distúrbios ocorreram no bairro de Mohandisin, na avenida principal de Gamat al Dawal al Arabiya e na praça de Giza, onde foram escutados disparos no meio de um grande contingente policial e militar, segundo o testemunho de profissionais da EFE.
Em Alexandria, os confrontos ocorreram perto do passeio marítimo da cidade envolvendo apoiantes da Irmandade Muçulmana e a população local.
Os serviços de segurança informaram entretanto que prenderam 140 manifestantes islamitas na cidade de Banha, 25 em Zagazig e outros 14 em Damanhur.
A Irmandade Muçulmana, movimento que apoia o Presidente deposto Mohamed Morsi, apelou na quinta-feira aos egípcios para iniciarem uma “intifada” (levantamento popular) para “recuperar a revolução” e acabar com o golpe militar de 03 de julho.
Fonte: NM

Eleições Menezes proíbe concerto de Tony Carreira em Gaia

O presidente da Câmara de Gaia, Luís Filipe Menezes, decidiu hoje proibir o concerto de Tony Carreira na inauguração do Pavilhão Municipal, agendada para 13 de Setembro, considerando que não era “eticamente enxuto” em mês de eleições.
Menezes proíbe concerto de Tony Carreira em Gaia

“Os serviços técnicos [da câmara] acharam que deviam fazer uma festa com Tony Carreira [para a inauguração do pavilhão], mas quando ontem [quinta-feira] soube disso achei que não era eticamente enxuto”, afirmou à Lusa Luís Filipe Menezes que acrescentou: “proibi a sua realização”.
O autarca explicou que “uma coisa é uma inauguração” de um pavilhão, que “tem de se fazer”, como acontece “normalmente”, e para a qual até já convidou os “líderes todos”, mas disse não consentir que se faça um espetáculo, como o concerto de Tony Carreira, num mês de eleições.
O cancelamento do concerto surge no mesmo dia em que seis candidatos à Câmara de Gaia pediram a Luís Filipe Menezes, por sugestão de José Guilherme Aguiar, que anulasse ou adiasse o evento, alegando que tinha “laivos evidentes de comício”.
José Guilherme Aguiar (independente), Eduardo Vítor Rodrigues (PS), Jorge Sarabando (CDU), Eduardo Pereira (BE), Manuel Vieira Machado (independente) e Cristiana Máximo (PCTP/MRPP) são os signatários de uma carta entregue hoje pelas 17:00 na câmara de Gaia e dirigida ao presidente da câmara.
“Na vida política há regras e uma ética que nenhum poder deve ultrapassar. É entendimento unânime dos signatários que inaugurar um Pavilhão Municipal a três dias do início de uma campanha eleitoral autárquica, e fazê-lo através de uma festa com laivos evidentes de comício pago por dinheiros públicos, ultrapassa, em muito, esse limite, que, desde logo, o bom senso deveria ter impedido”, frisam.
À Lusa, Menezes esclareceu que “já tinha tomado esta decisão antes” da carta hoje entregue.
Sobre os custos associados ao concerto, o vice-presidente da câmara, Firmino Pereira, explicou que o espetáculo de Tony Carreira “era realizado por um promotor privado, sem custos financeiros para a câmara” e com “bilhetes à venda a 10 euros”.
Firmino Pereira disse ainda que a decisão de Menezes de proibir o concerto “foi a correta”, para que “os candidatos Eduardo Vítor Rodrigues e Guilherme Aguiar não possam acusar Tony Carreira pela derrota a 29 de setembro”.
O autarca garantiu que o Pavilhão Municipal de Gaia “vai ser inaugurado a 13 de setembro às 11 da manhã” sendo “uma das maiores obras que merece ser inaugurada".
Já um dos signatários da carta, o candidato do BE Eduardo Pereira, teceu duras críticas às obras do pavilhão, lembrando que o mesmo está encerrado “há mais de dois anos” e que isso “prejudicou os seus utentes habituais” e levou a que “dezenas, senão centenas, de jovens” abandonassem a prática desportiva.
Fonte: NM

Porta-voz Peritos das Nações Unidas terminam trabalho na Síria

Os peritos da ONU terminaram o trabalho na Síria e vão fazer "rapidamente" um relatório sobre o eventual uso de armas químicas no conflito sírio, declarou hoje o porta-voz das Nações Unidas.
Peritos das Nações Unidas terminam trabalho na Síria
"A equipa terminou a recolha de amostras e de elementos", disse Martin Nesirky aos jornalistas. "Estão a preparar agora a saída, vão deixar Damasco, partem da Síria amanhã (sábado)", acrescentou.
O secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon, está pronto para informar o Conselho de Segurança da ONU sobre a investigação durante o fim de semana, se for necessário, disse o porta-voz.
Ban Ki-moon reuniu-se hoje em Nova Iorque com os embaixadores dos cinco membros permanentes do Conselho de Segurança (Estados Unidos, França, Reino Unido, Rússia e China) sobre a crise na Síria.
A Alta Representante da ONU para o Desarmamento, Angela Kane, já deixou Damasco e chegou a Beirute seguindo de imediato para Istambul, segundo uma fonte de segurança citada pela France Presse.
Angela Kane vai informar Ban Ki-moon da sua missão no sábado, disse a fonte.
A equipa de 13 inspetores da ONU na Síria é chefiada por Ake Sellstrom. Os intérpretes e pessoal auxiliar da equipa de peritos também partiu hoje.
"A equipa do Dr. Sellstrom está a fazer o possível para que o processo de análise seja rápido", indicou o porta-voz da ONU.
O relatório final que os peritos vão fazer será distribuído a todos os Estados-membros da ONU, acrescentou Nesirky.
Fonte: NM

Acordo Ronaldo renovou contrato com Real Madrid

Acordo total entre o craque português e o Real Madrid. O anúncio, no entanto, só será feito depois da contratação de Bale.
Ronaldo renovou contrato com Real Madrid
Cristiano Ronaldo e o Real Madrid já chegaram a acordo. Segundo a imprensa espanhola, as contas estão feitas mas o anúncio só será feito depois da apresentação de Gareth Bale.
Os adeptos do Real Madrid já podem descansar. De acordo com o portal MundoDeportivo, Cristiano Ronaldo já chegou a acordo com o Real Madrid para renovar até 2018.
Apontado várias vezes à saída do Santiago Bernabéu em 2014, CR7 terá acordado com o que o Real Madrid lhe propôs. Segundo a publicação, Ronaldo vai receber cerca de 17 milhões de euros por ano, livres de impostos.
Fonte: NM